Aleteia

4 motivos para visitar a Catedral de Brasília

Agência Brasil / Creative Commons
Compartilhar
Comentar

Quem visita a capital do Brasil se encanta com a estrutura arquitetônica, artística e religiosa da catedral

Brasília é uma cidade encantadora. Jovem, moderna e com temperaturas altas o ano inteiro.  Projetada pelo renomado arquiteto Oscar Niemeyer e fundada em 1960, a capital do Brasil recebe gente do país inteiro e do exterior, que aqui cumprem compromissos ligados aos negócios e à política. Mas há também quem quer só passear pela cidade. Em todos os casos, os turistas se encantam pela beleza arquitetônica do Palácio do Planalto (sede do Governo), da Esplanada dos Ministérios, da Praça dos Três Poderes, do Lago Paranoá e da Catedral Metropolitana Nossa Senhora Aparecida, entre outros tantos pontos de visitação que o Distrito Federal oferece.

E há motivos de sobra para incluir no roteiro a visita ao maior templo mariano do Centro-Oeste brasileiro.  Aqui, vamos listar apenas quatro- o suficiente para fazer você planejar agora mesmo a sua próxima viagem à Brasília, com parada obrigatória na Catedral.

1.A Catedral é a casa de Nossa Senhora Aparecida. Como não poderia deixar de ser, a catedral de Brasília é consagrada a Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil e também da cidade. A imagem da santa é uma réplica da que foi encontrada por pescadores há 300 anos e que hoje se encontra na cidade de Aparecida, no interior de São Paulo. Em meio à agitação da cidade do poder, um lugar de paz, tranquilidade e bênçãos.

Réplica da imagem de Nossa Senhora Aparecida na Catedral de Brasília

 

2. Beleza arquitetônica. A catedral também foi projetada por Oscar Niemeyer e ocupa uma área circular de 70 metros de diâmetro. Sua cobertura é sustentada por 16 colunas de concreto, num formato hiperbólico, medindo, cada uma, 42 metros de altura e pesando 90 toneladas. A forma arquitetônica nos remete a uma coroa de espinhos ou à junção de mãos estendidas suplicando ao céu. Todo o templo é envolto por um espelho d´água. De longe, parece que a Igreja está repousando sobre ele. O espelho d´água também tem a função de refrescar a catedral do calor típico do cerrado brasileiro. Ainda parte do conjunto arquitetônico da Praça de Acesso, à esquerda de quem entra, situa-se a Cúpula do Batistério – uma construção de concreto armado, de forma ovóide, que protege e complementa o interior da Capela onde se realizam os batizados. Uma escada de mármore liga a parte externa do Templo ao Batistério, o que permite acesso direto a ele, sem que seja necessário passar pela nave da igreja.

 

3.Riqueza artística. Na praça de acesso ao templo, encontram-se quatro esculturas em bronze com 3 metros de altura, representando os evangelistas (Marcos, Mateus, João e Lucas). As esculturas são de Alfredo Ceschiatti, com a colaboração de Dante Croce. No interior da nave, estão as esculturas de três anjos, suspensos por cabos de aço que pairam sobre os fiéis como se fossem seus protetores. A via sacra é uma obra de Di Cavalcanti. Na entrada da catedral, encontra-se um pilar com passagens da vida de Maria, mãe de Jesus, pintados por Athos Bulcão. A Catedral ainda conta com uma replica da Pietá, de Michelângelo.

Riqueza artística: esculturas de anjos penduradas no teto da Catedral de Brasília

 

4.Vitrais que mudam de cor. A cobertura da nave tem um vitral composto por dezesseis peças em fibra de vidro em tons de azul, verde, branco e marrom inseridas entre os pilares de concreto. Cada peça insere-se em triângulos com dez metros de base e trinta metros de altura que foram projetados por Marianne Peretti e restaurados recentemente. Ao todo, são 2 mil metros quadrados de vitrais, que proporcionam uma sensação de bem-estar para quem está dentro da catedral. De acordo com a intensidade dos raios solares, as cores vão se alterando, o que proporciona um lindo espetáculo.

Vitrais que mudam a luminosidade interna do templo de acordo com a luz do sol.

 

Serviço:

Horários de visita e funcionamento da Catedral:

– Segunda-feira: de 08h às 16hs30.

– Terça e Sexta-feira das 10:30h as 18h (limpeza da Nave central das 08:00 as 10:30hs).

– Quarta, Quinta, Sábado e Domingo das 08h às 18hs

Importante: durante os horários de Missa, não é possível realizar a visitação. A entrada é de graça.

__

Com informações de Catedral Metropolitana Nossa Senhora Aparecida.

 

 

 

Compartilhar
Comentar
Boletim
Receba Aleteia todo dia