Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Cadastre-se e receba Aleteia diretamente em seu email. É de graça.
Receber

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Para o Papa, este é um momento de oração e reflexão

Compartilhar

Pe. Lombardi pede aos jornalistas que não façam especulações

"Peço-lhes que deem a notícia do aspecto espiritual profundo com que Bento XVI está vivendo estes dias, e nós com ele": esta foi a afirmação do Pe. Federico Lombardi, porta-voz da sala de imprensa vaticana, aos jornalistas presentes no briefing que se realiza quase diariamente desde que o Papa anunciou sua renúncia, para informar sobre as últimas novidades deste processo inédito na Igreja.
 
O tempo da preparação para a sé vacante é, segundo Lombardi, "um tempo de reflexão profunda e de oração sobre o que é melhor para o bem da Igreja e para o seu serviço à humanidade".
 
Por isso, o jesuíta pediu para "não correrem atrás de fantasias e inferências", em particular com relação à Comunidade São Paio X, que segue os ensinamentos do bispo cismático Dom Marcel Lefebvre. Sobre as informações relativas a um esclarecimento definitivo das relações com o Vaticano, Lombardi precisou que "o Santo Padre confiou as disposições relativas a este assunto ao próximo pontífice". No que diz respeito, portanto, ao relatório sobre o caso Vatileaks, realizado pela comissão cardinalícia composta por Herranz, Tomko e De Giorgi, "não esperem – afirmou Lombardi – nem indiscrições, nem negações, nem confirmações: a comissão informou ao Santo Padre e não tem mais nada a dizer a ninguém".
 
O porta-voz vaticano desmentiu também que "autorizadas fontes vaticanas", como às vezes se lê nos jornais, possam indicar com certeza a data do começo do conclave: "Independentemente do motu proprio que o Papa está pensando em escrever, a data é determinada pelo colégio dos cardeais reunido nas congregações, mas não é possível saber em que congregação os cardeais serão já suficientemente numerosos para definir a data".
 
Lombardi repassou também com os jornalistas o programa dos últimos dias de Bento XVI como Papa: está previsto que, na última audiência geral (que, por outro lado, seguirá o esquema estabelecido), Ratzinger realizará uma volta na Praça de São Pedro, no papamóvel, para cumprimentar os fiéis – que provavelmente serão muitos.
 
As câmeras de TV do Centro Televisivo Vaticano, finalmente, acompanharão o Pontífice tanto em sua saída do heliporto vaticano (onde ele será cumprimentado pelo decano do colégio cardinalício, Angelo Sodano), como sua chegada a Castel Gandolfo, onde Ratzinger será recebido pelo secretário de governo e pelos fiéis da localidade, que sempre acolhia o Papa em suas férias de verão.
Boletim
Receba Aleteia todo dia