Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Newsletter Aleteia: uma seleção de conteúdos para uma vida plena e com valor. Cadastre-se e receba nosso boletim direto em seu email.
Registrar

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Sede vacante: Bento XVI encerrou pontificado

Compartilhar

Os últimos momentos do pontificado de Bento XVI

Dois gestos, neste dia 28 de fevereiro de 2013, encerraram formal e simbolicamente o pontificado de Bento XVI. Em Castel Gandolfo, fecharam-se os portões da residência papal, e a Guarda Suíça, guardiã tradicional do Papa, cedeu lugar aos seguranças do Vaticano. Já no Palácio Apostólico vaticano, foram lacrados os aposentos papais.

 

Cerca de 3.600 jornalistas estavam credenciados para cobrir a despedida de Bento XVI, representando cerca de 1.000 veículos de comunicação, de 24 línguas e 61 países.

 

O Papa deixou o Vaticano de helicóptero às 16h55. As imagens foram transmitidas ao vivo em todo o mundo. Às 17h, repicaram os sinos de todas as igrejas de Roma.

 

Pelo Twitter – que ficará suspenso até a posse do novo Papa –, Bento XVI afirmou: “Obrigado pelo vosso amor e o vosso apoio! Possais viver sempre na alegria que se experimenta quando se põe Cristo no centro da vida”.

 

Às 17h30, da varanda da residência de Castel Gandolfo, Bento XVI saudou os fiéis que se reuniram no pátio para vê-lo. Ali ele disse que se despedia com um simples peregrino.

 

Às 20h, iniciava a sede vacante. Nesta sexta-feira, o decano do Colégio dos Cardeais, Angelo Sodano, envia uma notificação a todos os cardeais, para dar início às congregações gerais, previstas para acontecer a partir da segunda-feira. O dia exato do início do Conclave deve ser decidido pelos cardeais.

 

No encontro final com o Papa na manhã desta quinta-feira, na Sala Clementina, no Vaticano, já estavam presentes 144 cardeais (de um total de 208). Muitos cardeais de longe ainda devem chegar. 

 

Houve duas renúncias: cardeal Julius Riyadi Darmaatmadja, da Indonésia, e cardeal Keith O'Brien, da Escócia. Isto traz o número de eleitores para 115. No entanto, "outros cardeais não estão bem de saúde – afirmou o padre Federico Lombardi, diretor de imprensa da Santa Sé – e é preciso verificar se poderão vir e participar de modo adequado”. 

 

Do mundo inteiro vieram saudações e mensagens de agradecimento a Bento XVI. Uma carta do clero e dos católicos da China agradecia pela “atenção especial” dedicada pelo Santo Padre a esse país. Bento XVI “permanecerá para sempre no coração” dos católicos chineses, afirmava o texto.

Boletim
Receba Aleteia todo dia