Aleteia
Sexta-feira 23 Outubro |
São Paulo Tong Viet Buong
Religião

Testemunhas de Jeová: as mentiras (5)

Jorge Luis Zarazúa - publicado em 19/04/13

Aprenda a se defender quando batem à sua porta e dizem que Maria não é Mãe de Deus

Mito: Maria não pode ser chamada de Mãe de Deus.

Origem do mito: como sabemos, as testemunhas de Jeová negam a Trindade e, portanto, a divindade de Jesus Cristo. Uma coisa leva à outra: se Jesus não é Deus, então Maria não pode ser chamada de Mãe de Deus. Poderia, em todo caso, ser chamada de "mãe do Filho de Deus".


Segundo esta seita, as bases para a devoção a Maria remontam a 431, quando o Concílio de Éfeso a proclamou "Mãe de Deus" ou "Theotokos" (em grego, "a que dá à luz Deus").

O que a Bíblia diz?

1. Maria é verdadeiramente a Mãe de Jesus


"Quando chegou a plenitude dos tempos, Deus enviou seu Filho, nascido de uma mulher, nascido sob a lei" (Gál 4,4).


Este Filho, de quem São Paulo nos fala, é Jesus, nosso Salvador.


"Jacó gerou José, esposo de Maria, da qual nasceu Jesus, que é chamado Cristo" (Mt 1, 16).


Maria é mencionada inúmeras vezes na Sagrada Escritura como sua Mãe (Mt 2, 11.13-14.20-21; Jn 2, 1-3; 19, 25-27). Vejamos esta significativa passagem:


"Eis como nasceu Jesus Cristo: Maria, sua mãe, estava desposada com José" (Mt 1, 18a).

2. Jesus é Deus verdadeiro


A Bíblia nos apresenta que Jesus, nascido da Virgem Maria por obra e graça do Espírito Santo, é Deus verdadeiro.


"No princípio, era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus" (Jo 1, 1).


São Tomás, tendo duvidado da Ressurreição do Senhor, quando vê Cristo ressuscitado, exclama ao vê-lo e ouvi-lo:


"Meu Senhor e meu Deus!" (Jo 20, 28).


Na Carta aos Romanos, o apóstolo São Paulo escreve o seguinte:


"… e os patriarcas; deles descende Cristo, segundo a carne, o qual é, sobre todas as coisas, Deus bendito para sempre" (Rom 9,5).

Um dos textos mais reveladores é este:


"Veio para nos ensinar a renunciar à impiedade e às paixões mundanas e a viver neste mundo com toda sobriedade, justiça e piedade, na expectativa da nossa esperança feliz, a aparição gloriosa de nosso grande Deus e Salvador, Jesus Cristo" (Tit 2, 12a-13).

3. Podemos dizer que Maria é Mãe de Deus


Levando em consideração todo o anterior, é mais fácil entender por que, desde os primeiros séculos da Igreja, chamamos Maria com o belíssimo título de Mãe de Deus. De fato, a primeira em chamá-la dessa maneira foi sua prima Isabel:


"Donde me vem esta honra de vir a mim a mãe de meu Senhor?" (Lc 1,43).

É preciso recordar que, naquela época, o título ou a palavra "Senhor" reservava-se apenas para Deus. Pois bem: no Novo Testamento, este título também é atribuído a Cristo (cf. Flp 2, 9-11; Rm 10, 9.13; 1Cor 2, 16), indicando sua divindade.


Assim, os católicos não acreditam que Maria seja Mãe de Deus por pensar que ela deu origem a Deus ou que é anterior a Deus. Nós a chamamos de "Mãe de Deus" porque ela é Mãe de Jesus, que é verdadeiro Deus e verdadeiro Homem.


Por isso, nós a saudamos com as palavras da Liturgia das Horas: "Bendita sois, Virgem Maria, pois carregastes em vosso ventre o Criador do universo" (cf. Col 1, 16-20).


E também esta expressão: "Gerastes aquele que vos criou e permanecestes Virgem para sempre".

Verdade: falando claramente, se Maria é Mãe de Jesus (Atos 1, 14) e Jesus é Deus (Tit 2, 13), podemos dizer com toda razão que Maria é Mãe de Deus, ainda que tenha dado a Jesus apenas o corpo humano.


O que o Concílio de Éfeso fez foi propor esta verdade – contida na Bíblia e presente na Sagrada Tradição – diante da heresia de Nestório, o precursor de todos aqueles que negam a maternidade divina de Maria.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
MariaReligiãoSeitasSociedade
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
nuvens sinais
Reportagem local
Estão sendo fotografados "sinais do céu"?
Extremistas queimam igrejas no Chile
Francisco Vêneto
Por que queimam igrejas: Dom Henrique e Pe. J...
Rosário
Philip Kosloski
Benefícios do Rosário: 3 virtudes que aprende...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia