Aleteia
Quinta-feira 22 Outubro |
São Moderano
Religião

Papa: todos temos ídolos escondidos que nos impedem de amar a Deus

Jeffrey Bruno

Aleteia Vaticano - publicado em 06/06/13

A idolatria é sutil; o caminho para não estar distante do Reino de Deus implica descobrir os ídolos escondidos, afirmou Francisco em homilia hoje

Cada um de nós vive de pequenas e grandes idolatrias, mas o caminho que leva a Deus passa por um amor exclusivo a Ele, como nos ensinou Jesus. Esse foi o teor da homilia do Papa Francisco na missa desta quinta-feira na Casa Santa Marta.

“Não basta dizer: Mas eu creio em Deus, Deus é o único Deus. Isto está muito bem, mas como é que tu vives isto na caminho da tua vida? Porque não podemos dizer: O Senhor é o nosso Único Deus e depois viver como se Ele não fosse o único Deus tendo assim outras divindades à nossa disposição… Há o perigo da idolatria: a idolatria que nos chega com o espírito do mundo. E Jesus nisto era claro: o espírito do mundo não. E pede ao Pai para que nos defenda do espírito do mundo, Jesus, na Última Ceia, porque o espírito do mundo leva-nos à idolatria."

“A idolatria – prosseguiu o Papa – é sutil”. Todos nós “temos nossos ídolos escondidos” e “o caminho da vida para chegar, para não estar distante do Reino de Deus, implica descobrir os ídolos escondidos”. 

Trata-se de um comportamento que pode ser encontrado na Bíblia, como no episódio em que Raquel, mulher de Jacó, finge não ter consigo os ídolos que estavam escondidos.

O Papa afirmou que todos nós devemos buscar nossos ídolos escondidos e destruí-los. Pois, para seguir a Deus, o único caminho é o do “amor fundado na fidelidade”. 

“A fidelidade nos pede que expulsemos os ídolos, que os descubramos: estão escondidos em nossa personalidade, em nosso modo de viver. Mas esses ídolos escondidos fazem que nós não sejamos fiéis no amor”, disse Francisco.

Segundo o Papa, o caminho para avançar rumo ao Reino de Deus é da fidelidade que se parece com o amor nupcial. Para isso é preciso confiar em Cristo, que é “fidelidade plena” e que “nos ama tanto”.

“Podemos pedir hoje a Jesus: Senhor, tu que és tão bom, ensina-me este caminho para estar, a cada dia, mais próximo do Reino de Deus, este caminho para nos despojarmos dos ídolos.” É difícil, mas devemos começar, insistiu o Papa.

Com Rádio Vaticano

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
CasamentoPapa Francisco
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
CARLO ACUTIS
John Burger
Como foram os últimos dias de vida de Carlo A...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
nuvens sinais
Reportagem local
Estão sendo fotografados "sinais do céu"?
Papa Francisco São José Menino Jesus
ACI Digital
Papa Francisco reza esta oração a São José há...
violência contra padres no Brasil
Francisco Vêneto
Outubro de cruz para padres no Brasil: um per...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia