Aleteia
Terça-feira 20 Outubro |
São Cornélio
Atualidade

Caminho de Santiago estaria mutilado sem a experiência de fé

Alvaro Real - publicado em 01/08/13

Rotas de peregrinação não podem ser reduzidas a uma mera questão turística ou ecológica

Santiago de Compostela celebrou recentemente as Jornadas Nacionais do Patrimônio Cultural da Igreja. Ali se enfatizou o valor do Caminho de Santiago “como um percurso de fé que deixa suas marcas em ermitas, igrejas, catedrais, hospitais, obras públicas”.

O evento destacou que o peregrino, no Caminho, não só aprende a origem e o fundamento de suas crenças cristãs, mas que as vive no mais profundo de seu coração, através da celebração dos mistérios e do exercício da caridade como imagem do autêntico Caminho da vida que não é outro mas o que nos leva à pátria eterna.

Contemplar o Caminho apenas como rota turística e ecológica seria mutilá-lo, deixando-o sem o autêntico sentido de experiência de fé através da arte e da obra da criação. Hoje o Caminho continua vivo, atual, é o caminho de fé que o homem de hoje percorre nestes momentos difíceis para a evangelização. Portanto, é um caminho para a Nova Evangelização.

Durante as Jornadas em Compostela, afirmou-se que o Caminho reforça em nosso interior a fé da Igreja peregrina no mundo: a arquitetura nos fala do templo verdadeiro, do cuidado com o próximo, da caridade como meio para ver Deus, as imagens nos tornam sensíveis ao invisível. Em cada uma das rotas, cultura e fé se inter-relacionam.

As diferentes ordens religiosas que acolhem os peregrinos e recebem a presença do sagrado são as que permitem a intensidade do Caminho: beneditinos, cistercienses, mendicantes, franciscanos e dominicanos; e as hospitalárias como a Ordem de São João ou a de Malta.

O Caminho de Santiago de Compostela são diferentes rotas percorridas por peregrinos em direção a Santiago de Compostela. Trata-se de rotas de peregrinação medievais, cujo objetivo final era venerar as relíquias do apóstolo Santiago Maior, cujo túmulo se encontra na catedral de Santiago de Compostela.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
peregrinacao
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
st charbel
Reportagem local
Por acaso não está acontecendo o que São Char...
Ellen Mady
Para Jesus não existe novena melhor do que es...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
ícone São Lucas Nossa Senhora Jesus médico
Reportagem local
Oração a São Lucas, evangelista e médico, pel...
violência contra padres no Brasil
Francisco Vêneto
Outubro de cruz para padres no Brasil: um per...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia