Aleteia
Quarta-feira 21 Outubro |
São Bertoldo de Parma
Atualidade

Condição feminina: grave problema na Arábia Saudita

© DR

TerraSanta.net - publicado em 17/10/13

Entre as proibições impostas pelo governo saudita às mulheres, se destaca o fato das mulheres não poderem dirigir

A Arábia Saudita continua a demonstrar-se pouco atenta à condição feminina, também no setor da produção econômica. Segundo um relatório do Banco Mundial com o título "As mulheres, os negócios e a lei: cortar as restrições para aumentar a igualdade de gênero", que acaba de ser publicado, a Arábia Saudita lidera a classificação negativa dos Países que limitam por lei o desenvolvimento econômico das mulheres. O relatório analisa a legislação vigente em 143 países diversos, de abril de 2011 a abril de 2013.

Segundo o documento, muitos países do Oriente Médio e do Norte da África neste período teriam voltado atrás sobre o tema da condição feminina na economia: Iêmen e Egito teriam, por exemplo, tirado das suas constituições as proibições de discriminação de gênero; o Irã teria introduzido a possibilidade para os maridos de proibir as mulheres de trabalhar, limitando também a mobilidade e a possibilidade de trabalhar no âmbito jurídico (advogado, magistratura). Em mais ou menos 25% dos países falta ainda a legislação contra a violência doméstica.

Entre as proibições impostas pelo governo saudita às mulheres, se destaca o fato das mulheres não poderem dirigir. Durante vários anos expoentes da sociedade local civil vêm pedindo o fim da proibição. No dia 26 de setembro, por exemplo, foi lançada uma campanha de mobilização sobre o tema. Um grupo de ativistas convidou as mulheres sauditas a desafiar a proibição e dirigir. As mulheres foram convidadas também a colocar um adesivo com o logo da campanha no carro. Segundo os organizadores a iniciativa teria contado com 8.700 adesões, já nos dias precedentes à manifestação. A policia está tentando proibir a iniciativa com multas no valor de mil euros aos motoristas que deixarem o carro ser dirigido por uma mulher.

Também em agosto (período não levado em consideração no relatório) a Arábia Saudita aprovou uma nova lei para punir abusos físicos, psicológicos e sexuais contra mulheres, crimes que não constam na lei. Os autores da violência, segundo o novo texto da lei saudita, hoje correm o risco de prisão que vai de um mês a um máximo de um ano e uma multa de 5 mil a 50 mil riyal Saudita (mais ou menos de 3 mil a 30 mil reais). Um primeiro passo importante, ainda longe, do modelo de severidade e rigor das leis em vigor no Ocidente.

(Terrasanta.net)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
liberdadeMulherMundo
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
CARLO ACUTIS
John Burger
Como foram os últimos dias de vida de Carlo A...
violência contra padres no Brasil
Francisco Vêneto
Outubro de cruz para padres no Brasil: um per...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
SAINT JOSEPH SLEEPS
Philip Kosloski
Durma em paz com esta breve oração a São José
Pe. Gilmar
Reportagem local
Padre é encontrado após três dias desaparecid...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia