Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sábado 13 Abril |
Aleteia logo
Religião
separateurCreated with Sketch.

Papa: confiar em Deus, pois Ele é fiel sempre

Pope Francis celebrates a Mass in the church of Santa Marta – pt

© ServizioFotograficoOR/CPP

<span class="standardtextnolink">November 21 , 2013 : Pope Francis celebrates a Mass in the church of Santa Marta in the Vatican.</span>

Vatican News - publicado em 25/11/13

“Peçamos ao Senhor a graça da coragem de prosseguir na nossa vida cristã, nas situações habituais, comuns, de todos os dias, mas também nas situações-limite”

O Papa Francisco indicou hoje a confiança plena em Deus e em sua fidelidade, pois o Senhor é fiel sempre.

Em sua homilia da missa na Casa Santa Marta, o Papa abordou as passagens bíblicas dos jovens escravos na corte de Nabucodonosor (Livro de Daniel) e da viúva que vai ao Templo adorar o Senhor.

A viúva, em miséria, entrega o pouco que tem. Os jovens arriscam a vida com sua fidelidade ao Senhor.

“Os dois – a viúva e os jovens – arriscaram. Em seu risco, escolherem o Senhor, com um coração grande, sem interesse pessoal, sem mesquinhez. Não tinham uma atitude mesquinha. O Senhor é tudo. O Senhor é Deus e se entregaram ao Senhor.”

Segundo o Papa, a viúva e os jovens se entregaram ao Senhor não por serem “fanáticos”. Eles se entregaram porque tinham confiança plena na fidelidade de Deus, que é fiel sempre, pois “não pode não ser fiel, não pode renegar a si mesmo”.

“Também na Igreja, na história da Igreja se encontram homens, mulheres, idosos, que fazem esta escolha. Quando nós ouvimos a vida dos mártires, quando nós lemos nos jornais as perseguições contra os cristãos, hoje, pensamos nesses irmãos e irmãs em situações-limite, que fazem esta escolha. Eles vivem neste tempo. São um exemplo para nós e nos encorajam a entregar ao tesouro da Igreja tudo o que temos para viver.”

O Papa convidou então a refletir sobre as escolhas definitivas. “Pensemos também em tantas mães, tantos pais de família que todos os dias fazem escolhas definitivas para levar avante sua família, seus filhos. Isso é um tesouro na Igreja. Eles nos oferecem um testemunho”.

Francisco encerrou a homilia pedindo ao Senhor “a graça da coragem, da coragem de prosseguir na nossa vida cristã, nas situações habituais, comuns, de todos os dias, mas também nas situações-limite”.

(Com informações da Rádio Vaticano)

Tags:
CasamentoConfiançaHomiliasPapa Francisco
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia