Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Terça-feira 27 Julho |
São Galactório
home iconAtualidade
line break icon

As crianças sírias invejam o estábulo onde nasceu Jesus

Freedom House

Agência Fides - publicado em 17/12/13

Na condição martirizada do povo sírio, parece não haver lugar para a promessa de paz e letícia próprias do Natal

“Na Síria, o Menino Jesus conta com muitos companheiros: milhares de crianças que perderam suas casas vivem em barracas pobres como a estala de Belém”. Assim, o arcebispo maronita Samir Nassar descreve a condição vivida pela infância síria no tempo que precede o Santo Natal.

Em uma tocante mensagem de reflexões natalinas enviada à Agência Fides, o arcebispo maronita de Damasco expressa com imagens fortes os sentimentos de muitos cristãos sírios diante da chegada do enésimo Natal de guerra.

“Jesus” — observa Dom Nassar — “não está sozinho em sua miséria. A infância síria, abandonada e marcada por cenas de violência, sonha em estar no lugar de Jesus, que tem sempre consigo seus pais, que o circundam e o acariciam. (…). Alguns invejam o Menino divino que encontrou uma estala para nascer e se abrigar. Dentre as crianças mais tristes, algumas nasceram sob as bombas ou no caminho da fuga”.

Maria também – insiste o arcebispo maronita “não está mais sozinha, em meio às dificuldades: muitas mães infelizes vivem na pobreza extrema e assumem todas as responsabilidades da família sozinhas, sem marido. A presença asseguradora de José na Sagrada Família suscita desgosto em milhares de famílias sem figuras paternas. Esta ausência alimenta o medo, a angústia e a inquietude”.

Na condição martirizada do povo sírio, parece não haver lugar para a promessa de paz e letícia próprias do Natal: “O barulho infernal da guerra” — escreve Nassar — “sufoca o Glória dos Anjos. A sinfonia do Natal pela paz cede diante do ódio e das crueldades mais atrozes”. E justamente a extenuante duração do conflito, que já dura há mais de mil dias, aumenta ainda mais o grito de oração dos cristãos diante do presépio: “Senhor, escutai a nossa prece”, conclui sua mensagem o Arcebispo Nassar.

(Fides)

Tags:
JesusNatal
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Reportagem local
A arrepiante oração de uma mulher no corredor da morte por ser ca...
2
st charbel
Reportagem local
Por acaso não está acontecendo o que São Charbel disse?
3
Aleteia Brasil
Sorrisão e joelhos: 2 pais brasileiros e seus bebês que emocionar...
4
CROSS;
Reportagem local
O que significa o sinal da cruz feito sobre a testa, os lábios e ...
5
JENNIFER CHRISTIE
Jeff Christie
Minha mulher engravidou de um estuprador – e eu acolhi o bebê nas...
6
CONFESSION, PRIEST, WOMAN
Julio De la Vega Hazas
Por que não posso me confessar diretamente com Deus?
7
Anna Gębalska-Berekets
O que falar (e o que não falar) a um ente querido com câncer
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia