Aleteia logoAleteia logoAleteia
Segunda-feira 28 Novembro |
Santos Papiniano e Mansueto, bispos de Vita e Urúsi 
Aleteia logo
Estilo de vida
separateurCreated with Sketch.

Deus no centro da família

familia en oracion – pt

© Marcel CROZET/CIRIC

Dom Jaume Pujol - SIC - publicado em 19/12/13

Na família de Nazaré, Deus ocupa um lugar central. E na nossa?

Em 1917, em plena 1ª Guerra Mundial, o Papa Bento XV acrescentou às ladainhas do terço a jaculatória “Rainha da paz” implorando pela paz no mundo. No encerramento do Concílio Vaticano II, Paulo VI pediu que acrescentássemos outra, “Mãe da Igreja”, para colocar a Igreja sob a proteção de Maria. A última adição às ladainhas é de João Paulo II: “Rainha da família”. São três preocupações, expressadas dessa maneira, por diversos pontífices: paz, Igreja, família.

No último domingo do ano, a Igreja celebra a festa da Sagrada Família, apresentando-nos o exemplo do lar de Nazaré, no qual convergiram as três pessoas mais amadas pelos cristãos: Jesus, Maria e José.

Eles são um modelo de fé e fidelidade. A Virgem Maria é aquela que “conservava todas as coisas em seu coração”, coração que seria atravessado pela espada da dor, segundo a profecia o idoso Simeão no templo.

A alegria e a dor se misturaram nas vidas de Maria e José. Os evangelistas nos deixam poucas palavras de Nossa Senhora, e nenhuma do santo patriarca, mas nos contam suas ações, sempre motivadas pelas mensagens que Deus lhe enviava, da aceitação da sua esposa em momentos de incerteza à fuga e retorno do Egito.

Na família de Nazaré, Deus ocupa um lugar central. O chefe da família, José, e a Mãe, Maria, vivem em função de Jesus.

Pensando em nossa família concreta, podemos nos perguntar: Deus ocupa um lugar central em nosso lar? Ou o centro é ocupado pela TV, pelo computador…?

Tudo o que constitui um lar é bom – também a TV e o computador, claro –, mas devemos procurar que Deus ocupe um lugar preferencial. Que não nos aconteça como em algumas casas nas quais há tantos móveis, tapetes e enfeites, que acaba sendo incômodo estar lá.

As ocupações e preocupações de uma família não podem levá-la a deixar de lado sua relação com Deus, que é o selo de toda família cristã.

Falta muito pouco para que o ano acabe e que chegue 2014. Por este motivo, as pessoas preparam todo tipo de comemorações. Isso é muito bom, mas procuremos dar um sentido a esta mudança no calendário, que vá além da contagem regressiva, dos brindes e fogos de artifício.

Façamos o propósito de receber, junto com o ano novo, Jesus em nossos corações e em nossa família. E peçamos que Jesus Cristo seja sempre o centro das nossas vidas.

(Artigo de Dom JaumePujolBacells, publicado originalmente pelo SIC)

Tags:
DeusFamília
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia