Aleteia

Cinco ações para começar o ano com o pé direito

altanaka
Compartilhar

Para um novo ano que ajude na transformação da nossa vida

O mês de janeiro chegou carregado de bons propósitos, atitude positiva e esperança. Em geral, este começo de ano marca nas pessoas um desejo de mudança; é como um novo amanhecer, com diferentes oportunidades de desenvolvimento pessoal.

Para viver este 2014 com o pé direito, propomos 5 ações a serem realizadas neste começo de ano:

1. Limpeza exterior

Organizar, limpar, jogar fora, doar. Neste primeiro mês do ano, dá resultado desprender-se das coisas que já não nos prestam nenhum serviço ou estão impedindo que outras coisas fluam. Uma boa organização da área de trabalho, do armário, dos quartos ou da casa em geral oferece uma sensação de renovação que nos faz sentir leves diante do novo ciclo.

2. Limpeza interior

Assim como organizamos o quarto, é preciso colocar a mente em ordem. É hora de planejar: trabalho, objetivos pessoais, finanças. Dessa maneira, surgem umas coordenadas que delimitarão o caminho a ser seguido e oferecerão a clareza mental necessária para alcançar tais metas. Esta limpeza contempla, além disso, a erradicação de todo sentimento ruim que estiver causando sofrimento e que não ajude em nada neste início de ano.

3. Perdoar a si mesmo

Comece este novo ano perdoando-se. Há pessoas que se culpam pelo seu passado, pelo seu presente e pelo seu futuro. Por que sempre buscar culpados? É melhor entender que a vida é como é, aceitar-nos como somos e tentar melhorar a cada dia, ajudando os outros a melhorar também. Mais do que buscar culpas ou culpados, é melhor ver o que nos rodeia e nós mesmos com misericórdia.

4. Viver no presente

O passado ficou para trás. O que passou, passou. Não há tempo para lamentar-se. Quem vive no passado se estanca e não se permite avançar, pois se refugia no sofrimento. Algumas pessoas dão tanta importância ao passado, que não vivem nem desfrutam o presente. É importante aceitar o tempo transcorrido com seus erros e acertos, aprender deles e, certamente, buscar crescer.

5. Melhorar os relacionamentos

A vida é uma curta viagem na qual o amor é o único fim. Que sentido teria a vida se não amássemos ou se ninguém nos amasse? Amar é uma decisão que exige esforço, tolerância, sacrifício, respeito. Por isso, no topo da lista de propósitos de ano novo, deve estar a dedicação a amar mais a cada dia: o cônjuge, os pais, irmãos, familiares, amigos, aceitando-os como são, ajudando-os a ser melhores e tornando os relacionamentos mais sólidos.

O desafio, então, é manter vivo o desejo de mudança, a motivação e a atitude positiva ao longo do ano, pois estes são fatores fundamentais não somente para alcançar as metas, mas para desfrutar plenamente da vida.

(Artigo publicado originalmente por LaFamilia.info)

Boletim
Receba Aleteia todo dia