Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 24 Outubro |
São José Lê Dang Thi
Aleteia logo
home iconReligião
line break icon

A vaidade humana e o vazio existencial

© iofoto/SHUTTERSTOCK

Adenilton Turquete - Compartilhando a Graça - publicado em 26/03/14

A vaidade excessiva é uma grande carência, normalmente revela altos níveis de egoísmo

No idioma hebraico, língua original dos textos do Antigo Testamento, vaidade é traduzido por "hãvel", que significa vazio, vapor, um vazio absoluto. Partindo para o termo em latim "vanitas", "vanitatis" – o significado é o mesmo, vacuidade (o que é próprio do vácuo), ou seja: VAZIO ABSOLUTO!

Vivemos a era do culto ao corpo, onde a aparência é essencial, não é raro vermos academias mais lotadas que igrejas. A procura de clínicas estéticas é cada vez maior, causando inclusive a morte de pacientes devidos a imperícia de falsos cirurgiões. A busca para preencher este "vazio" movimenta milhões e milhões em um mercado que cresce a cada ano.

As propagandas na TV induzem nossos jovens a um padrão estético ideal. Os acessórios também fazem parte deste requintado mundo "it", ou seja, todo mundo correndo atrás das tendências. Roupas de grife, tatuagens, e até mutilações pelo corpo, são um nível extremo do comportamento humano em evidência nestes dias.

Há algumas semanas a declaração de uma mãe causou uma grande repercussão nas redes sociais por ela ter dito que sonhava comprar um apartamento mas o consumismo de sua filha não deixava. A mãe em questão seria uma diarista, moradora de uma comunidade carente de São Paulo, que afirmou que cada "rolezinho" de sua filha ao Shopping tem um custo aproximado de R$ 400,00, R$ 500,00.

"Vaidade das vaidades, diz o Eclesiastes, vaidade das vaidades! Tudo é vaidade" (Eclesiastes 1, 2).

Acima estão as palavras do sábio rei Salomão, uma afirmação de que ninguém escapa da vaidade, pois tudo é vaidade. O sábio vai mais além: "vi tudo o que se faz debaixo do sol, e eis: tudo vaidade, e vento que passa" (Eclesiastes 1, 14).

Parece que vivemos em uma busca constante para preencher um vazio existencial em nossa alma. Independente de termos ou não uma vida religiosa, demonstramos constante insatisfação com o que temos, o que somos e o que desejamos nunca nos satisfaz de fato. A cada objetivo alcançado na vida, o vazio volta a nos consumir como uma doença voraz, insaciável.

Vaidade é pecado? Não, mas sendo excessiva tem um efeito devastador em nossas vidas. Quem precisa de mil pares de sapatos? Quem precisa de sete carros na garagem? O que é o luxo e a ostentação senão o sintoma de alguém vazio em busca de reconhecimento. A vaidade excessiva é uma grande carência, normalmente revela altos níveis de egoísmo. A pessoa tem uma dificuldade enorme em compartilhar com os outros.

O que nos é suficiente? A soberania da Graça que há em Nosso Senhor Jesus Cristo é capaz de nos deixar satisfeitos. A Graça de Deus é suficiente para que possamos gozar uma vida plena e completa.

Uma pessoa cheia da Graça de Deus está sempre satisfeita, seja na dor, seja na pobreza, seja na saúde, seja na prosperidade. Esse é o segredo, estar satisfeito. Nós nascemos na pobreza mais absoluta e acabaremos nossa vida em uma pobreza não menos absoluta.

Nascemos sem nada e não levaremos nada depois da morte. Se alguma coisa vai permanecer, mesmo após a nossa morte, é o que seja eterno. E o que é eterno, São Paulo nos diz: "por ora subsistem(eternamente) a fé, a esperança e a caridade – as três. Porém, a maior delas é a caridade" (I Coríntios 13, 13).

Não existe nada melhor para deixar alguém mais satisfeito do que fazer a caridade. Caridade também é traduzida por amor, uma das formas de se traduzir caridade nos termos gregos é, simplesmente, amor.

Fazer caridade é realizar um ato de amor e o resultado disso é a nossa alma satisfeita. Uma alma satisfeita não se preocupa com o que comer,o que vestir, ou o que estão pensando acerca de nós.

Conclusão: O segredo universal para preencher nosso vazio existencial não é alimentar nossa vaidade,mas encher a nossa alma com a Graça de Deus por meio da caridade.

"Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, se não tiver caridade, sou como o bronze que soa, ou como o címbalo que retine. Mesmo que eu tivesse o dom da profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência; mesmo que tivesse toda a fé, a ponto de transportar montanhas, se não tiver caridade, não sou nada. Ainda que distribuísse todos os meus bens em sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, se não tiver caridade, de nada valeria" (I Coríntios 13, 3).

(Compartilhando a Graça)

Tags:
ValoresVirtudes
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Casal brasileiro com 8 filhos espera gêmeos
Francisco Vêneto
Jovem casal brasileiro com 8 filhos espera gêmeos: “cada um vale ...
2
Reportagem local
A bela lição que este menino deu a todos ao se aproximar do Papa
3
Papa Emérito Bento XVI
Francisco Vêneto
Bento XVI: “Espero me unir logo” aos amigos que já estão na etern...
4
VENEZUELA
Ramón Antonio Pérez
Quando a vida surge do abuso atroz a uma jovem deficiente
5
Carlo Acutis
Gelsomino Del Guercio
“Ele fechou os olhos sorrindo”: foi assim que Carlo Acutis morreu
6
São José
Francisco Vêneto
Padre irmão de piloto de avião partido em dois: “São José tem mui...
7
Papa Francisco São José Menino Jesus
Ricardo Sanches
A oração a São José que o Papa Francisco reza todos os dias há 40...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia