Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quinta-feira 13 Maio |
Santa Gema
home iconAtualidade
line break icon

Síria: ONU cobra proteção de civis após morte de padre

© AIUTO CHIESA CHE SOFFRE

Agência Brasil - publicado em 09/04/14

O jesuíta holandês Van der Lugt tinha 72 anos e vivia há 40 anos na Síria

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, apelou ontem (8) às partes envolvidas no conflito na Síria a proteger a população civil e colocar fim à crise, após a confirmação de que um sacerdote jesuíta holandês foi assassinado ontem na cidade de Homs. Em comunicado, Ki-moon disse que o governo sírio e os grupos armados têm a obrigação legal e a responsabilidade moral de proteger civis.

“Devem fazer tudo o possível para evitar e prevenir a violência contra civis, incluindo os bombardeios e ataques aéreos indiscriminados sobre as áreas que habitam”, ressaltou o secretário-geral da ONU. O padre holandês Frans Van der Lugt foi assassinado por um indivíduo não identificado em frente a sua casa. Segundo Ki-moon, era “um homem que havia apoiado de forma heroica o povo sírio entre bloqueios e crescentes dificuldades”.

O secretário-geral demonstrou sua preocupação com informações de supostas execuções e também a atuação de grupos considerados terroristas em “atos brutais” contra a população. "Existe uma crença de muitos na Síria e outros lugares de que este conflito pode ser vencido militarmente. Mais violência só vai trazer mais sofrimento e instabilidade para a Síria e propagará o caos na região", disse, apelando para o fim do conflito e permissão do acesso irrestrito de assistência humanitária ao país.

Em três anos, o conflito na Síria matou mais de 150 mil pessoas, de acordo com balanço divulgado na semana passada pelo Observatório Sírio dos Direitos Humanos. Deste total, 51.212 são civis, incluindo cerca de 8 mil crianças. Além das mortes, outra consequência do conflito, iniciado em março de 2011, é o número de regugiados. Somente no Líbano, o número de sírios registrados como refugiados passou de 1 milhão, transformando-o no país com a maior concentração de refugiados per capita do mundo, de acordo com o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados.

(Agência Brasil)

Tags:
MundoReligiosos
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Lucía Chamat
A curiosa foto de “Jesus” que está comovendo a Colômb...
2
Reportagem local
Triste, surpreendente, inspirador: o drama e o recomeço da menina...
3
ELDERLY,WOMAN,ALONE
Aleteia Brasil
O pe. Zezinho e a mãe que espera há 30 anos, sem sucesso, pelo pe...
4
OPERA SINGER
Cerith Gardiner
Cantora de ópera faz apresentação incomum e homenageia Maria e as...
5
Philip Kosloski
5 revelações surpreendentes do “terceiro segredo” de ...
6
FRANCISCO AND JACINTA MARTO
Tom Hoopes
As lições dos pastorinhos de Fátima aplicadas ao coronavírus
7
Reportagem local
3 fatos cientificamente inexplicáveis sobre a imagem de Guadalupe
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia