Aleteia
Segunda-feira 26 Outubro |
São Fulco
Atualidade

Putin acredita nas relações entre Rússia e Ocidente

<p>O presidente russo Vladimir Putin na residência oficial de Novo-Ogaryovo em Moscou</p>

AFP - publicado em 19/04/14

Na quinta-feira, Rússia, Ucrânia, Estados Unidos e União Europeia assinaram um acordo em Genebra que deveria reduzir a tensão no território ucraniano

O presidente russo, Vladimir Putin, afirmou neste sábado que "nada impede" a normalização das relações entre a Rússia e o Ocidente, que passam pelo pior momento desde a Guerra Fria em consequência da crise na Ucrânia.

"Acredito que não há nada que impeça a normalização e uma cooperação normal", afirmou Putin.

"Isto não depende de nós. Ou não depende apenas de nós. Depende de nossos aliados", completou.

Na quinta-feira, Rússia, Ucrânia, Estados Unidos e União Europeia assinaram um acordo em Genebra que deveria reduzir a tensão no território ucraniano, cenário de vários focos de insurreição separatista na região leste, que tem maioria da população de língua russa.

Na sexta-feira, o governo dos Estados Unidos aumentou a pressão sobre a Rússia para que o Kremlin obrigue os ativistas pró-Moscou a abandonarem os prédios públicos ocupados no leste da Ucrânia. Mas os separatistas resistem a aceitar o acordo de Genebra.

Em Donetsk, a grande cidade industrial do leste, os separatistas pró-Rússia mantêm sob controle a administração regional, um imponente edifício ocupado há duas semanas pelos líderes da autoproclamada "República de Donetsk".

O edifício público, cercado por sacos de areia, pneus e móveis que formam barricadas, é vigiado por homens armados em um clima de aparente normalidade nas ruas.

"Continuamos como sempre", disse um dos ativistas pró-Moscou à AFP.

"Um sacerdote ortodoxo está dentro do prédio para festejar a Páscoa durante a tarde", completou.

As autoridades pró-Ocidente de Kiev fizeram uma tentativa de agradar os separatistas na sexta-feira com a promessa de uma importante descentralização e um estatuto de proteção para a língua russa.

Mas o anúncio tem poucas probabilidades de funcionar, pois 70% dos habitantes da região de Donetsk consideram que o atual governo de Kiev é "ilegítimo", segundo uma pesquisa publicada neste sábado pela revista Dzerkalo Tyjnia.

A pesquisa mostra ainda que 52,2% das pessoas entrevistadas são contrárias à incorporação da região à Rússia.

O governo de Washington advertiu a Moscou que pretende observar de perto o cumprimento do acordo de Genebra, que prevê o desarmamento dos grupos armados ilegais e a desocupação dos prédios públicos, assim como uma anistia para aqueles que entregarem as armas, exceto para os que cometeram assassinatos.

Em uma conversa telefônica com o chanceler russo, Serguei Lavrov, chefe da diplomacia americana, John Kerry, defendeu "o respeito total e imediato do acordo de Genebra de 17 de abril", segundo uma fonte do Departamento de Estado.

Mas o presidente Barack Obama demonstrou prudência e advertiu que Washington e Bruxelas podem adotar novas sanções contra Moscou caso o acordo não seja aplicado.

No mesmo discurso deste sábado, o presidente russo afirmou que a relação de seu país com a Otan também deve melhorar com o novo secretário-geral da Aliança Atlântica, o ex-primeiro-ministro norueguês Jens Stoltenberg.

"Temos ótimas relações, inclusive relações pessoais. É uma pessoa muito séria e responsável", disse.

Vladimir Putin acusou durante a semana o atual secretário-geral da Otan, Anders Fogh Rasmussen, de ter gravado em segredo uma conversa privada entre ambos quando era primeiro-ministro da Dinamarca.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
Mundo
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Papa Francisco
Francisco Vêneto
Papa Francisco e casais homossexuais: o que e...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
SAINT MICHAEL
Philip Kosloski
Oração a São Miguel por proteção contra inimi...
Rosário
Philip Kosloski
Benefícios do Rosário: 3 virtudes que aprende...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia