Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 16 Janeiro |
home iconHistórias Inspiradoras
line break icon

Por que as pessoas gritam umas com as outras?

gritos

CC

Reportagem local - publicado em 03/07/14

A inesquecível lição de um vovô aos seus netinhos quando viram certa família que fazia piquenique...

Certo dia, um simpático e sábio avô estava conversando com seus netos à beira de um rio.

Na outra margem, havia uma família fazendo piquenique. De repente, os membros daquela família começaram a discutir raivosamente, gritando uns com os outros.

O avô sábio virou-se para os netos e perguntou:

– Por que as pessoas gritam umas com as outras quando estão com raiva?

Os netos pensaram um pouco. Um deles disse:

– Porque, quando perdemos a calma, sempre gritamos.

O avô retrucou:

– Mas por que gritar, se a outra pessoa está ali, ao seu lado? Você poderia dizer o que tem a dizer de forma suave!

Cada neto tentava dar as suas respostas, mas nenhuma satisfazia os outros.

Finalmente, o sábio vovô explicou:

– Quando duas pessoas estão com raiva uma da outra, os seus corações se distanciam. Para cobrir essa distância, elas têm que gritar, para que uma consiga escutar a outra. Quanto mais raiva elas têm, mais forte elas gritam para cobrir essa distância.

E complementou:

– Mas o que acontece quando duas pessoas estão apaixonadas? Elas não gritam uma com a outra! Elas falam baixinho, porque os seus corações estão próximos! A distância entre elas é muito pequena. E à medida que elas se amam ainda mais intensamente, o que acontece? Elas não falam, apenas sussurram! E vão ficando ainda mais próximas uma da outra. Chega um ponto em que elas não precisam sequer sussurrar: basta apenas se olharem.

O sábio vovô propôs então aos netos:

– Quando vocês discutirem, não deixem o seu coração se afastar. Não digam palavras que distanciem vocês uns dos outros. Pode chegar um dia em que a distância seja tão grande que vocês não achem mais o caminho do reencontro.

______________

A partir de texto anônimo

Tags:
EducaçãoFamíliaFilhosValores
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Top 10
Aleteia Brasil
Na íntegra: as três partes do Segredo de Fáti...
UNPLANNED
Jaime Septién
Filme contra o aborto arrasa nas bilheterias ...
BABY BAPTISM
Padre Reginaldo Manzotti
Por que é tão importante batizar uma criança?
Deserto de Negev
Francisco Vêneto
Pedra de 1.400 anos com inscrição mariana é e...
KRZYŻYK NA CZOLE
Beatriz Camargo
60 nomes de bebês que carregam mensagens pode...
Reportagem local
Papa Francisco: cuidado com os cristãos que s...
POPE JOHN PAUL II
Philip Kosloski
"Não tenhais medo": a frase mais usada por Sã...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia