Aleteia
Sexta-feira 23 Outubro |
São Paulo Tong Viet Buong
Atualidade

EUA agiliza deportações diante de crise de menores na fronteira

<p>O secretário de Segurança Interna, Jeh Johnson (E), durante uma reunião do Comitê de Segurança Interna em 24 de junho</p>

AFP - publicado em 07/07/14

A questão migratória ganhou urgência nos Estados Unidos após a chegada de 52 mil menores desacompanhados

Os Estados Unidos estão agilizando as deportações de adultos e famílias que cruzam ilegalmente a fronteira, afirmou neste domingo um alto funcionário do governo, admitindo que o processo é mais lento em relação aos menores imigrantes.

O secretário de Segurança Interna, Jeh Johnson, disse ao programa "Meet the Press", do canal NBC, que as autoridades reduziram os "prazos de devolução" de imigrantes ilegais que cruzam a fronteira com o México.

"Acredito que vamos conter esta onda", disse Johnson, agregando que o governo está intensificando seus esforços para desestimular os imigrantes – incluindo milhares de menores – de fazer esta perigosa viagem aos Estados Unidos.

Johnson garantiu que a fronteira "não está aberta à imigração ilegal". "Não há passes livres" para os que entram nos Estados Unidos sem autorização. O governo iniciará processos de deportação "contra os imigrantes ilegais, incluindo crianças".

Os menores imigrantes que chegam sem a companhia de adultos são, por lei, postos sob a custódia do departamento de saúde e da assistência social enquanto seus processos tramitam, algo que leva tempo, admitiu Johnson.

"Estamos procurando opções e maior flexibilidade para a questão dos menores em particular, mas de uma maneira humanitária e justa".

A questão migratória ganhou urgência nos Estados Unidos após a chegada de 52 mil menores desacompanhados procedentes de El Salvador, Honduras e Guatemala, que cruzaram a fronteira ilegalmente a partir de outubro.

O presidente Barack Obama deve viajar na próxima semana ao Texas (sur), um dos estados mais afetados pela onda migratória, enquanto Johnson viajará à Guatemala para coordenar esforços para conter a crise.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
nuvens sinais
Reportagem local
Estão sendo fotografados "sinais do céu"?
Extremistas queimam igrejas no Chile
Francisco Vêneto
Por que queimam igrejas: Dom Henrique e Pe. J...
Rosário
Philip Kosloski
Benefícios do Rosário: 3 virtudes que aprende...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia