Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Terça-feira 20 Abril |
Santa Inês de Montepulciano
home iconReligião
line break icon

O diabo e os detalhes da vida cotidiana

GARRY KNIGHT

William Van Ornum - Aleteia Vaticano - publicado em 12/07/14

Você dirá que estes são pecados muito pequenos; e, sem dúvida, como todos os tentadores, você está ansioso para me relatar maldades espetaculares. Mas lembre-se: a única coisa que importa é o grau de separação que você consegue implantar entre o homem e o inimigo. Não importa quão pequenos são os pecados, desde que o seu efeito cumulativo seja afastar o homem da Luz e lançá-lo ao Nada. Um assassinato não é melhor do que os jogos de azar, se os jogos de azar bastarem para dar o resultado pretendido (Carta 11).


Em segundo lugar, tenha cuidado com ideologias ou causas morais que fazem os cristãos brigarem uns com os outros. Em sua época, Lewis denunciou o rancor entre os pacifistas e os que estavam dando a vida pelo país. “Como poderiam os pacifistas ser cristãos? É óbvio que eles são covardes”, pensavam muitos dos fiéis. É de nos perguntarmos o que Lewis destacaria em nossos dias que tivesse este mesmo impacto.

"Uma nação dividida não pode ficar em pé", nos diz o Antigo Testamento.

Ao se concentrarem em algumas questões grandiosas, os seres humanos podem se esquecer de outras importantes:

O desprezo com que, na sua última carta, você fala da gula como arma para derrubar as almas apenas mostra a sua ignorância. Uma das grandes conquistas dos últimos cem anos tem sido a de amortecer a consciência humana no tocante a este assunto, de modo que, hoje, você dificilmente encontre um sermão pregado ou uma consciência perturbada com isso em toda a Europa (Carta 17).

Será que não há lições a aprendermos a este respeito, hoje que a comida chega a ser chamada de "o novo sexo"? Hoje que as pessoas se gabam nos comerciais de serem "gourmets"? Hoje que a epidemia de obesidade em vários países não é novidade para ninguém?

Em terceiro lugar, o diabo-mestre instrui o aprendiz a fazer os cristãos se concentrarem nos seus próprios sentimentos e preferências, em vez de focarem nas prioridades e nos fatos da fé. Você já presenciou alguma discussão sobre liturgia? Se sim, você entenderá esta piada: "Qual é a diferença entre um terrorista e um liturgista? Às vezes, é possível dialogar com um terrorista". Lewis considerava a missa um "dever" muito mais importante que qualquer inclinação pessoal a personalizar palavras, língua ou música.

A abordagem de Lewis era o oposto das abordagens de psicólogos como Freud e William James. Se Lewis aplaudia a eficácia da terapia para pessoas problemáticas que não achavam a paz e a cura nem mesmo na oração, o que ele queria era que as pessoas se envolvessem nas atividades cristãs em vez de se enredarem em discussões intermináveis ​​sobre o que elas "experimentavam ou sentiam".

Em quarto lugar, Lewis considerava os lírios do campo: eles não se preocupam com o amanhã; e nem Salomão, com toda sua glória, jamais se vestiu como qualquer deles. Os problemas de cada dia são suficientes. Lewis citou exemplos extraídos da vida nos anos 1940. Se hoje, por um lado, o planejamento prudente pode ser crucial para enfrentarmos o aquecimento global, pouparmos para a aposentadoria e mantermos o colesterol em bons níveis, corremos o risco, por outro, de nos importar demais com estas preocupações maiores e de nos esquecer de colocar o Evangelho em prática.

Em quinto lugar, conceda-se com frequência os prazeres adequados. As pessoas que não conseguem enxergar a beleza das grandes dádivas de Deus que estão ao seu redor podem acabar se tornando amargas. Muitos dos prazeres da vida são de graça: amizades, música, jardins, pôr-do-sol, passeios ao ar livre, exercício, observar as crianças brincarem, viver conforme os próprios meios. A lista pode ser infinita. Dedicar tempo a tais prazeres diários mantém o diabo longe. É ainda mais eficiente do que fazer exercícios moderados para nos manter longe dos cardiologistas.

  • 1
  • 2
  • 3
Tags:
DemônioSantossatanismo
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
KRZYŻYK NA CZOLE
Beatriz Camargo
60 nomes de bebês que carregam mensagens poderosas
2
Ordenação sacerdotal
Francisco Vêneto
Ex-testemunha de Jeová será ordenado padre católico aos 25 anos
3
MIGRANT
Jesús V. Picón
O menino perdido no deserto nos convida a refletir
4
BENEDICT XVI
Francisco Vêneto
Em nova e extensa biografia, Bento XVI desmascara o atual “...
5
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
6
Reportagem local
Hoje celebramos Santa Bernadette, a menina que viu Nossa Senhora ...
7
Papa Bento XVI
Francisco Vêneto
Bento XVI faz 94 anos e é o primeiro Papa a atingir essa idade na...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia