Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sexta-feira 22 Outubro |
Aleteia logo
home iconAtualidade
line break icon

UE reforça ajuda econômica humanitária ao Iraque

<p>O presidente da Comissão Europeia, José Manuel Barroso, durante uma coletiva de imprensa em Madri, em 17 de janeiro de 2014.</p>

AFP - publicado em 13/08/14

Por enquanto, os europeus não pensam em imitar Washington e entregar armas aos combatentes curdos que tentam conter os jihadistas

A Comissão Europeia (CE) destinou mais € 5 milhões em ajuda humanitária aos civis deslocados no Iraque, enquanto busca a melhor maneira de coordená-la.

Hoje, embaixadores dos 28 membros da União Europeia (UE) se reuniram para discutir a coordenação das ações no Iraque, assim como na Ucrânia e na Faixa de Gaza.

No encontro, os diplomatas concordaram em "reforçar urgentemente a coordenação (da ajuda) humanitária e ter acesso às populações deslocadas" – informou serviço diplomático do bloco, chefiado pela representante para Política Externa e Segurança da UE, Catherine Ashton.

A Comissão terá o papel de coordenador, e um mecanismo de proteção civil foi implantado. O objetivo é facilitar a mobilização dos serviços de auxílio para responder as necessidades imediatas dos países afetados.

Os Estados integrantes da UE também "saudaram os esforços de Estados Unidos e de seus sócios para se opor ao avanço do Estado Islâmico (EI) e facilitar o acesso da ajuda humanitária" no Iraque.

Por enquanto, os europeus não pensam em imitar Washington e entregar armas aos combatentes curdos que tentam conter os jihadistas no norte do país.

A questão da entrega de armas é "a mais complexa e sensível", comentou um especialista europeu consultado pela AFP. "Ninguém pode impedir um Estado de entregar armas, mas o importante é saber se é oportuno para a UE responder favoravelmente a essa solicitação", completou.

A França é a favor, enquanto a Suécia é totalmente contra. Diante das divergências, os embaixadores se limitaram a "registrar as demandas de apoio militar das autoridades curdas a alguns Estados-membros" da UE.

Tags:
Mundo
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Top 10
1
VENEZUELA
Ramón Antonio Pérez
Quando a vida surge do abuso atroz a uma jovem deficiente
2
Reportagem local
A bela lição que este menino deu a todos ao se aproximar do Papa
3
Casal brasileiro com 8 filhos espera gêmeos
Francisco Vêneto
Jovem casal brasileiro com 8 filhos espera gêmeos: “cada um vale ...
4
Pe. Zezinho
Reportagem local
Pe. Zezinho faz alerta sobre orações de cura e libertação
5
Carlo Acutis
Gelsomino Del Guercio
“Ele fechou os olhos sorrindo”: foi assim que Carlo Acutis morreu
6
São José
Francisco Vêneto
Padre irmão de piloto de avião partido em dois: “São José tem mui...
7
morning
Philip Kosloski
Uma oração da manhã fácil de memorizar
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia