Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Receba o nosso boletim

Aleteia

Começa na Alemanha primeiro julgamento de jihadista do Estado Islâmico

O jovem alemão Kreshnik B. (d) e seu advogado, Mutlu Guenal, no tribunal de Frankfurt

Compartilhar

Passou seis meses na Síria e participou de ao menos três batalhas contra o regime de Bashar al-Assad

O primeiro julgamento de um suposto jihadista de nacionalidade alemã acusado de ter combatido com o grupo Estado Islâmico (EI) na Síria começou nesta segunda-feira em Frankfurt.

O acusado, Kreshnik Berisha, de 20 anos, nascido em Frankfurt de uma família proveniente do Kosovo, é acusado de pertencer a uma organização estrangeira terrorista, crime passível de uma pena de até 10 anos de prisão.

O julgamento começou em meio a grandes medidas de segurança, em um contexto de preocupação em vários países ocidentais pela ameaça que representa o retorno aos seus países a partir de Síria e Iraque de cidadãos que foram combater junto aos jihadistas.

Segundo fontes do Ministério Público, Berisha viajou à Síria pela Turquia em julho de 2013, junto a outros islamitas, para se somar ao combate do EI.

Passou seis meses na Síria e participou de ao menos três batalhas contra o regime de Bashar al-Assad.

Retornou à Alemanha no fim de 2013, por razões desconhecidas, e foi detido no aeroporto de Frankfurt.