Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quinta-feira 05 Agosto |
Santos Vardan e companheiros
home iconAtualidade
line break icon

Helicópteros dos EUA iniciam ataques aéreos no Iraque contra grupo EI

<p>Imagens divulgadas pela Marinha dos EUA mostram caças F-18E Super Hornets, em 4 de outubro de 2014, em operação contra o EI</p>

AFP - publicado em 07/10/14

A decisão indica dúvidas sobre a efetividade dos ataques aéreos realizados até agora, iniciados em 8 de agosto no Iraque

As forças americanas realizaram pela primeira vez ataques com helicópteros contra militantes do Estado Islâmico no Iraque, anunciaram oficiais nesta segunda-feira, marcando uma escalada na guerra aérea que deixa as tropas em maior risco.

O Comando Central americano, que supervisiona a campanha aérea no Iraque e na Síria, anunciou que os helicópteros participaram de ataques no domingo e nesta segunda no Iraque, no momento em que as forças do governo iraquiano lutam contra os combatentes do grupo EI no oeste do país.

"Era uma capacidade que estava disponível, que foi solicitada pelo governo iraquiano e que era apropriada", disse à AFP o porta-voz do Pentágono, major Curtis Kellogg.

Voando à baixa altitude e a uma velocidade menor do que caças e bombardeiros, os helicópteros são mais vulneráveis a ataques de terra.

A decisão indica dúvidas sobre a efetividade dos ataques aéreos realizados até agora, iniciados em 8 de agosto no Iraque e ampliados para a Síria em 23 de setembro.

Os riscos que a nova tática envolve surgem, apesar do compromisso do presidente Barack Obama de não enviar tropas terrestres ao Iraque.

"É um aumento natural", disse um oficial das forças de defesa americanas que pediu para não ser identificado. Em uma batalha fluida, os helicópteros podem aumentar as chances, mas "são mais vulneráveis, sem dúvida".

Alguns dos incidentes mais violentos que envolveram as forças americanas no Afeganistão, tiveram a derrubada de helicópteros por ataques de insurgentes.

O Comando Central não especificou em que zona do Iraque os helicópteros atacaram o EI.

Tags:
Mundo
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Reportagem local
Gritos levam polícia à casa de dois idosos, que choravam copiosam...
2
Sintomas da depressão
Reportagem local
8 sintomas físicos da depressão: fique atento a si mesmo e ao seu...
3
Princesa Diana no Accord Hospice
Reportagem local
Um padre católico acompanhou a princesa Diana na madrugada de sua...
4
MAN
Reportagem local
Oração da noite para serenar o espírito e pacificar a ansiedade
5
CONFESSION
Philip Kosloski
Pecados que a maioria dos padres não pode absolver
6
Cura d'Ars
Aleteia Brasil
São João Maria Vianney, o “santo burro” e sua respost...
7
BAPTISM
Reportagem local
Padrinhos de batismo e consagração: existe diferença entre eles?
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia