Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quinta-feira 26 Novembro |
São Silvestre Guzzolini
home iconEstilo de vida
line break icon

Decálogo para a educação dos filhos

Reprodução

Pe. Henry Vargas Holguín - publicado em 13/10/14

A melhor herança que um pai de família pode deixar para os seus filhos neste mundo é a boa educação

A prioridade de um pai de família, mais do que dar aos filhos o necessário (nem mais nem menos) para que tenham uma vida digna, é formá-los e educá-los para a vida, dando-lhes sólidos fundamentos para que sejam pessoas de bem e oferecendo-lhes ferramentas para que sejam felizes.

A melhor herança que um pai de família pode deixar para os seus filhos neste mundo é a boa educação. Tal educação poderia ser centrada em 3 eixos:

Educação da consciência: para que, desde pequenos, os filhos saibam distinguir o que é bom e o que é ruim.

Educação do caráter: para que fortaleçam sua vontade e saibam rejeitar o mal, ainda que seja convidativo ou aparentemente inofensivo.

Educação do coração com senso de transcendência: para que apreciem os valores positivos e rejeitem os valores negativos. Recordar que as crianças observam o comportamento dos pais. Mais que educar com palavras, é preciso educar com o exemplo. Que os pais reforcem o que dizem com o que fazem.

Parte desta missão se cumpre, entre outros, com os seguintes pontos:

1. Incentivar a responsabilidade nos filhos, dando-lhes pequenas missões ou tarefas. Que conheçam o valor do sacrifício. Isso lhes ensinará o quanto podem oferecer e os fará ver que são responsáveis pelos seus atos, mas não pelo que ocorre ao seu redor.

2. Servir de exemplo diante das circunstâncias adversas, para que os filhos vejam como superá-las corretamente. É importante que os pais lhes transmitam uma forma construtiva de reagir e manter o controle diante do estresse.

3. Ajudá-los a encontrar seus pontos fortes. Poder desenvolver tais pontos é a base da força pessoal de cada um. Ajudá-los a acreditar em si mesmos e a ter uma autoestima saudável.

4. Que os filhos vejam os problemas como desafios a serem resolvidos, e não como ameaças; e que aprendam tanto a preveni-los e administrá-los quanto a tirar deles uma lição de vida. Ajudá-los a descobrir as coisas boas de cada dia e saber que não estão sozinhos, ou seja, dar-lhes apoio emocional.

5. Permitir que os filhos encarem seus problemas, pois “resgatá-los” dessas pequenas circunstâncias difíceis não lhes permite aprender estratégias para enfrentar e resolver suas dificuldades presentes e futuras. Fazer-lhes ver que são responsáveis pelas suas vidas.

6. Deixar que gradualmente vão tomando decisões. Irão aprendendo da experiência para o futuro.

7. Pais de família: não pretendam ser como seus filhos, não se infantilize. Seus filhos precisam ser guiados por adultos sérios e maduros.

8. Criar um clima de comunicação no qual a criança se sinta à vontade. Que os filhos tenham a confiança de contar suas coisas; que não tenham medo da reação dos seus pais.

9. Fazer-lhes saber que eles têm deveres na sociedade, e se não entendem a palavra “sociedade”, por ser um pouco abstrata, é preciso explicar-lhes que têm deverem com relação a pessoas concretas.

10. Estabelecer limites e disciplina. Os filhos precisam saber o que acontece quando não fazem o que lhes é pedido. O castigo, que deve ser proporcional e compatível com a idade da criança, precisa ser sempre cumprido. Nunca pode ser violento em palavras ou ações, e precisa visar à correção. As normas devem ser coerentes e claras, e estar acompanhadas por explicações lógicas.

Tags:
EducaçãoFilhosPaternidade
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
MARYJA
Philip Kosloski
A melhor oração mariana para quando você prec...
Papa Francisco com máscara contra covid
Reportagem local
As 3 “covids” do Papa Francisco
WEB2-COMMUNION-EUCHARISTIE-HOSTIE-GODONG-DE354465C-e1605635059906.jpg
Reportagem local
Internado na UTI, Pe. Márlon Múcio continua c...
pildorasdefe.net
Por que você não vai para frente? Talvez este...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Confissão não é para contar problemas, mas para contar pecados
Pe. Gabriel Vila Verde
Confissão não é para contar problemas, mas pa...
RED WEDNESDAY
Reportagem local
Perseguição aos cristãos no mundo é denunciad...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia