Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quarta-feira 08 Dezembro |
Imaculada Conceição de Nossa Senhora
Aleteia logo
Religião
separateurCreated with Sketch.

Papa Paulo VI: trajetória do beato

© Archives CIRIC

Vatican - publicado em 19/10/14

No dia 29 de Setembro, Paulo VI inaugurava solenemente a II Sessão do Concílio Ecuménico , acontecimento, em que já tinha sido protagonista, no decurso da primeira sessão, e que se tinha comprometido a levar até ao fim. A segunda Sessão foi precedida da Exortação Apostólica, de 14 de Setembro, aos Bispos, intitulada Cum Proximus. No 1º de Outubro, o Papa recebeu os jornalistas acreditados no Concílio; no dia 11, deslocou-se a Santa Maria Maior, com os Padres, para uma oração propiciatória; no dia 4 de Novembro, na presença dos Padres, presidiu, em São Pedro, a uma celebração do IV Centenário da instituição dos Seminários, ocorrência que sublinhou também com a Carta Apostólica Summi Dei. No dia 12 de Outubro, o Papa benzeu a primeira pedra do Colégio Mexicano, em Roma, enviando uma mensagem radiofónica ao Povo mexicano. No dia 20 de Outubro, conferia, na Basílica Vaticana, a Ordenação episcopal a 14 Bispos, dez dos quais missionários. No dia 10 de Novembro entrava solenemente na Catedral de São João de Latrão.

Na Terra Santa

O ano de 1964 abriu-se com a primeira viagem apostólica de Paulo VI, fora dos confins da Itália. A meta foi a Terra Santa. No dia 4 de Janeiro o Papa chegou a Jerusalém, onde, depois de ter percorrido a via dolorosa, celebrou a Missa na Basílica do Santo Sepulcro. No dia seguinte, presidiu a uma celebração na igreja da Anunciação de Nazaré e, no dia 6 de Janeiro, na Gruta de Belém. Nesses dias, teve lugar o histórico abraço entre o Santo Padre e o Patriarca ecuménico Atenágoras, primeiro de uma série de encontros, que, nos anos sucessivos viriam a assinalar os momentos mais salientes da caminhada para a recomposição da unidade. Do período pascal, recordam-se os primeiros e intensos encontros de oração do Santo Padre com os fiéis da Diocese de Roma, que, segundo o rito estacional, desde a quarta-feira de Cinzas à Missa da Páscoa, no bairro "Sete Caminhos" e na Basílica de São Pedro, se reuniram à volta dele, em intenso testemunho de fé. Outro feliz encontro pastoral, com a comunidade eclesial, foi o de 28 de Maio, dia em que Paulo VI participou na procissão do Corpo de Deus, no Círculo Máximo, a fim de sublinhar a importância do mistério eucarístico na fé cristã. Entre os actos do primeiro ano de Pontificado, são de recordar o anúncio da instituição do Secretariado para a União dos Cristãos e a nomeação de um Observador permanente da Santa Sé junto das Nações Unidas.

Praticamente, no início do segundo ano de Pontificado, Paulo VI entregava à História a sua primeira Encíclica,Ecclesiam suam que traz a data de 6 de Agosto, festa da Transfiguração de Jesus — documento não doutrinal, não dogmático, mas de carácter exortatório, "confidencial". Um guia na construção da Igreja renovada no Concílio, um convite ao diálogo como necessidade histórica, acompanhado duma grande firmeza, na defesa da verdade. Em 11 de Agosto, o Papa deslocava-se à Catedral de Orvieto para celebrar a Missa no VII Centenário da instituição da Festa do Corpus Domini; era 14 de Setembro, abria a III Sessão do Concílio, que deveria concluir-se em 21 de Novembrocom a proclamação da Constituição sobre a Igreja e dos Decretos sobre as Igrejas Orientais e sobre o Ecumenismo. Duas datas significativas neste período: o 18 de Outubro, canonização dos 33 Mártires do Uganda; e o 24 de Outubro, consagração da reconstruída Igreja da Abadia de Montecassino. Nesta última ocasião, Paulo VI proclamou São Bento Patrono da Europa.

O Ano de 1964, que se abrira com a viagem à Terra Santa, concluía-se com a viagem à Índia, para o XXXVIII Congresso Eucarístico Internacional de Bombaim. Momento de diálogo, rico de ânsia missionária e apoiado numa esperança realista diante das centenas de milhões de não-cristãos. "Também vós — disse o Papa — estais empenhados na batalha contra os males que obscurecem a vida de inumeráveis povos em todo o mundo contra a fome; também vós travais a luta para ter mais alimento, mais vestuário, mais habitações, e bem assim em favor da educação e de uma justa distribuição da riqueza. Não estamos, porventura, unidos neste combate por um mundo melhor, neste esforço destinado a dar a todos os povos aqueles bens que são necessários à realização do seu humano destino e a viver vidas dignas de filhos de Deus? Devemos, por isso, unir-nos mais estreitamente, não só através dos modernos meios de comunicação; devemos unir-nos pelos corações em mútua compreensão, estima e amor. Devemos encontrar-nos como peregrinos, que se põem a caminho, à procura de Deus nos corações humanos. Nesta mútua compreensão, devemos também começar a trabalhar unidos pelo futuro comum do género humano. Devemos procurar modos de organização e de cooperação, práticos e concretos, para associar todos os recursos e reunir todos os esforços em ordem a obter uma verdadeira comunhão entre todas as Nações".

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
Tags:
Beatificacao
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia