Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 05 Dezembro |
São Saba
home iconAtualidade
line break icon

Pelo menos 30 mortos em ataque de grupos armados na República Centro-Africana

<p>A República Centro-Africana se encontra mergulhada numa crise desde que o grupo Seleka tomou o poder em março de 2013, e forças de paz da ONU foram mobilizadas em novembro de 2014</p>

AFP - publicado em 23/10/14

Pelo menos 30 pessoas morreram e dezenas ficaram feridas entre terça-feira e quarta-feira em um ataque de homens armados contra um vilarejo da República Centro-Africana, informou uma fonte da Missão da ONU (MINUSCA) no país.

"Um grupo de indivíduos armados descritos pelos habitantes como (de etnia) peul ou ex-Seleka (rebelião de maioria muçulmana) atacou a localidade de Yamalleh (…) provocando pelo menos 30 mortos e dezenas de feridos", afirmou a fonte.

"Os agressores incendiaram e saquearam casas", completou.

"Este balanço ainda é provisório, porque a maioria dos homens armados continuaram com as agressões em localidades próximas".

Na cidade de Bambarim, que também fica na região de Bakala, centenas de pessoas com medo fugiram para acampamentos de desabrigados.

Na semana passada pelo menos sete pessoas morreram em incidentes provocados por ex-membros da Seleka ou pelos antibalaka (uma milícia de maioria cristã), segundo a polícia de Bambari.

A República Centro-Africana, ex-colônia francesa com uma história marcada por rebeliões e golpes de Estado, vive uma situação caótica desde 2013, quando a rebelião Seleka tomou o poder, que se viu obrigado a abandonar em janeiro de 2014.

Os confrontos prosseguiram e os antibalaka cometeram muitas atrocidades contra a população civil, sobretudo contra os muçulmanos que foram obrigados a abandonar Bangui.

Apesar da perda do poder, a Seleka continua sendo muito influente na região de Bambari e no nordeste do país.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
HUG
Dolors Massot
Médico abraça paciente com Covid-19 que chora...
PADRE NO ALTAR DA MISSA
Reportagem local
Missa de Crisma é interrompida por policiais ...
Missa de Crisma
Reportagem local
Arcebispo detona interrupção de Missa: "Ocorr...
BOKO HARAM NIGÉRIA
Francisco Vêneto
Terroristas islâmicos degolam mais de 100 pes...
Bispo brasileiro Dom Antônio Carlos Rossi Keller
Reportagem local
Mais um bispo brasileiro detona: "Autoridades...
Aleteia Brasil
Oração do Advento
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia