Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quinta-feira 26 Novembro |
São Silvestre Guzzolini
home iconAtualidade
line break icon

Ataques dos EUA ao EI podem ajudar Assad na Síria, admite Pentágono

<p>O presidente sírio Bashar al-Assad é visto em 4 de outubro de 2014</p>

AFP - publicado em 31/10/14

O regime sírio de Bashar al-Assad pode se beneficiar dos ataques aéreos americanos contra alvos do Estado Islâmico (EI) – reconheceu o secretário americano da Defesa, Chuck Hagel, nesta quinta-feira.

As tropas de Assad estão lutando contra vários grupos rebeldes.

"Sim", admitiu Hagel, ao ser questionado sobre "se Assad poderia se beneficiar" da ofensiva aérea lançada por Washington e apoiada por uma coalizão internacional contra os jihadistas do EI na Síria e no Iraque.

"A medida em que nós e a coalizão vamos atrás do EI para ajudar os iraquianos a proteger seu governo, é claro que Assad obtém algum benefício com isto", disse Hagel.

"Temos que administrar a realidade que há pela frente com algumas estratégias de mais longo prazo (…) para chegar finalmente aonde acreditamos que precisamos ir", destacou Hagel, acrescentando que os Estados Unidos seguem exigindo a saída de Assad da presidência.

A estratégia de Obama para combater o EI é criticada nos Estados Unidos e no exterior por fortalecer potencialmente o regime de Assad, já que a aviação americana e aliada bombardeia um dos principais inimigos do regime em Damasco.

Em um memorando dirigido a Susan Rice, conselheira de Segurança Nacional de Obama, Hagel admite que a estratégia americana na Síria "corre o risco de se enfraquecer" precisamente pela confusão em torno da posição americana sobre Assad, segundo o New York Times.

Hagel não confirmou ou desmentiu as informações do jornal na entrevista coletiva concedida nesta quinta, mas disse que ele e outros altos funcionários têm a responsabilidade de oferecer conselhos sinceros ao presidente dos Estados Unidos.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
MARYJA
Philip Kosloski
A melhor oração mariana para quando você prec...
Papa Francisco com máscara contra covid
Reportagem local
As 3 “covids” do Papa Francisco
WEB2-COMMUNION-EUCHARISTIE-HOSTIE-GODONG-DE354465C-e1605635059906.jpg
Reportagem local
Internado na UTI, Pe. Márlon Múcio continua c...
pildorasdefe.net
Por que você não vai para frente? Talvez este...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Confissão não é para contar problemas, mas para contar pecados
Pe. Gabriel Vila Verde
Confissão não é para contar problemas, mas pa...
RED WEDNESDAY
Reportagem local
Perseguição aos cristãos no mundo é denunciad...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia