Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 29 Novembro |
Bem-aventurados Dionísio da Natividade e Redento da Cruz
home iconEstilo de vida
line break icon

A doença terminal e o sentido de cada momento

Piemme

Corrado Paolucci - publicado em 05/11/14

Caterina Simonsen é consciente que a vida “é uma constante, está presente em cada respiro”

“Amo muito a vida e tudo aquilo que me dá. A doença faz lembrar como você nunca deve tomar nada como garantido, mesmo as coisas que parecem mais naturais”. Para Caterina, nada é aparente, nada é banal. Ela vê as coisas que vemos, mas por uma perspectiva diferente.

Caterina tem 26 anos e não pode se curar. Ela sabe o que é ter uma doença que “mudou cada coisa, derrubou o horizonte. Antes de tudo, deu-me uma certeza, e as certezas, mesmo dolorosas, são um ponto de partida, a gravidade onde ancorar a existência”. 

Com a doença, o essencial se tornou visível aos seus olhos. Viver perenemente com o "per mask", instrumento para medir o quanto se enchem os pulmões, a fez compreender que não existindo para ela um “amanhã”, “o instante é tudo, passado, presente, futuro. Torna-se ar que se respira”. Como diz a ela Enrico, o namorado que ela gostaria de distanciar para não vê-la morrer lentamente: “até quando estarei ao teu lado? Para sempre”. Esta é uma das passagens da biografia de Caterina Simonsen “Respiro após respiro. A minha história”.

A saúde não é o suficiente para dar um sentido

Na frágil existência de Caterina existe toda a consciência de que a vida “é uma constante, está presente em cada respiro”, e que cada ser humano é afetado por tudo aquilo que acontece, seja doloroso ou jubiloso: “com o tempo cheguei até mesmo a amar as cicatrizes que possuo no corpo, a encontrar um significado para elas. São como as estrelas que indicam a direção aos marinheiros, como os pontos daquele jogo que somente unidos têm um sentido”. E a busca deste “significado”, como o chama Caterina, é aquilo que compartilhamos todos nós: “a vida pode ser difícil mesmo quando se está bem. A saúde não basta para dar-lhe um significado”. 

A história de Caterina veio a luz em dezembro de 2013, quando heroicamente publicou uma mensagem na internet. Nas imagens seu sorriso é escondido pelos tubos que lhe permitem respirar. Em sua mão trazia um cartaz escrito: “Sou Caterina S., tenho 25 anos graças à verdadeira pesquisa, que inclui testes em animais. Sem a verdadeira pesquisa estaria morta há 9 anos”. 

Sua tomada de posição suscitou imediatamente comentários de extremistas no âmbito da defesa dos animais. Naquele dia chegaram até Caterina ofensas de todos os tipos e até mesmo ameaças de morte. Mas após o assustador início, Caterina não desistiu nem mesmo com contestações violentas. Com a tenacidade que sempre a distinguiu, continuou a impulsionar sua história, a expor suas razões. Até chegar à biografia. 

Tags:
DoençaMorteTestemunhoVida
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
POPE URBI ET ORBI
Reportagem local
Bênção Urbi et Orbi do Papa Francisco nesta s...
Folheto divulgado por Antônio Carlos da Silva
Reportagem local
Eu nasci mais ou menos em 1988: os 27 anos da...
READING
Gelsomino Del Guercio
3 regras fundamentais para os leitores da mis...
SANTUÁRIO DE APARECIDA INTERIOR BASÍLICA
Reportagem local
Suposto surto de covid-19 entre padres do San...
Jesús V. Picón
Padre com câncer terminal: perde os olhos, ma...
FATIMA
Philip Kosloski
Nossa Senhora de Fátima tem um conselho para ...
Medalha Milagrosa verdadeira ou falsa
Reportagem local
Cuidado: saiba distinguir entre a real Medalh...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia