Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Terça-feira 27 Julho |
São Galactório
home iconAtualidade
line break icon

Busca por “Casas de Vida” que acolheram perseguidos em guerras

© Gueto de Łódź

foto histórica del gueto de Lodz

Jesús Colina - publicado em 24/11/14

Uma iniciativa da Fundação Wallenberg como reconhecimento aos salvadores em guerras e conflitos

Quando a perseguição se aproximava da sua porta, milhares de pessoas foram salvas no século XX pelas “Casas de Vida”. Essas vidas humanas, ou as dos seus filhos, se devem hoje àqueles salvadores que chegaram a arriscar a própria existência.

Para recordar as “Cadas de Vida” e seus salvadores, a junta diretiva da Fundação Internacional Raoul Wallenberg pede a todas as pessoas que tenham tal informação, que comuniquem o endereço dos lares que serviram de refúgio durante a 2ª Guerra Mundial, conflitos armados ou genocídios.

Eduardo Eurnekian, presidente da fundação, destaca em um comunicado que “este convite abrange não somente o Holocausto, mas também outros conflitos ou situações nas quais muitas pessoas deixaram a indiferença de lado e se mostraram solidárias com todos os perseguidos. Um exemplo é o dos salvadores turcos que ajudaram a proteger a vida dos armênios nos terríveis acontecimentos de 1915”.

Baruj Tenembaum, fundador da entidade, sublinha que “esta iniciativa não responde a nenhuma agenda política nem distingue as motivações do salvador; simplesmente acreditamos que é importante reconhecer os seres humanos que se sensibilizaram diante da desgraça alheia e ofereceram ajuda àqueles cuja liberdade ou vida corriam perigo”.

“A Fundação Wallenberg procura obter informação fidedigna e detalhada sobre atos de salvamento ocorridos no passado ou de caráter contemporâneo, incluindo os nomes dos protagonistas (salvadores ou pessoas salvas), bem como os detalhes físicos do lugar de resgate, no caso de que as pessoas salvas tenham sido abrigadas em algum lugar específico”, esclarece o comunicado emitido pela instituição.

A primeira “Casa de Vida” reconhecida em uma cerimônia solene, em 19 de novembro, foi a Casa Santo Nome de Jesus, das Irmãs Franciscanas Missionárias de Maria (Itália). Em 1943, durante o Holocausto, elas deram refúgio a 40 mulheres e crianças judias, a maioria não italiana.

Entre as pessoas acolhidas, encontravam-se os filhos do rabino de Gênova, Riccardo Pacifici, que foi assassinado em Auschwitz.

Dado que as crianças eram homens e o convento era só de mulheres, a madre superiora, Sandra Busnelli, os acolheu com carinho e depois encontrou refúgio em uma escola próxima, o Instituto de Santa Maria, onde foram protegidos pela madre Marta Folcia. Os meninos ficaram lá até a libertação de Florença.

A Fundação Internacional Raoul Wallenberg incentiva todos a compartilharem informações fidedignas sobre outras “Casas de Vida”, via e-mail (irwf@irwf.org) ou telefone, nas diversas sedes da instituição:

Nova Iorque: 212-7373275
Jerusalém: + 972-2-6257996
Buenos Aires: + 54-11-43827872

Maiores informações em http://www.raoulwallenberg.net. 

Tags:
GuerraVida
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Reportagem local
A arrepiante oração de uma mulher no corredor da morte por ser ca...
2
st charbel
Reportagem local
Por acaso não está acontecendo o que São Charbel disse?
3
Aleteia Brasil
Sorrisão e joelhos: 2 pais brasileiros e seus bebês que emocionar...
4
CROSS;
Reportagem local
O que significa o sinal da cruz feito sobre a testa, os lábios e ...
5
JENNIFER CHRISTIE
Jeff Christie
Minha mulher engravidou de um estuprador – e eu acolhi o bebê nas...
6
CONFESSION, PRIEST, WOMAN
Julio De la Vega Hazas
Por que não posso me confessar diretamente com Deus?
7
Anna Gębalska-Berekets
O que falar (e o que não falar) a um ente querido com câncer
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia