Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Segunda-feira 12 Abril |
home iconAtualidade
line break icon

Suspeitos de incêndio criminoso em escola bilíngue de Jerusalém são detidos

<p>Várias pessoas suspeitas de incendiar em 29 de novembro uma escola bilíngue hebraico-árabe de Jerusalém, símbolo de uma convivência possível entre israelenses e palestinos, foram presas neste domingo.</p>

AFP - publicado em 08/12/14

Várias pessoas suspeitas de incendiar em 29 de novembro uma escola bilíngue hebraico-árabe de Jerusalém, símbolo de uma convivência possível entre israelenses e palestinos, foram presas neste domingo.

"A polícia e o Shin Beth (serviço de segurança interna) prenderam vários suspeitos", declarou à AFP Luba Samri, porta-voz da polícia israelense, que não deu outros detalhes sobre o caso.

Um dos advogados dos detidos, Itamar Ben Gvir, afirmou que não foi autorizado a encontrar seus clientes e que por isso entrará com um recurso.

Frases como ‘Morte aos árabes’ e ‘Pare a assimilação’ apareceram perto da escola, segundo a polícia, assim como "Kahan tinha razão", uma referência ao rabino Meïr Kahan, fundador do movimento racista anti-árabe Kach, assassinado em 1990 em Nova York.

O colégio atacado tem mais de 500 alunos e foi criado em 1998 pela associação "Hand in Hand" para promover o ensino bilíngue e a coexistência entre judeus e árabes. O norte de Israel também tem outras escolas do tipo.

Em Israel, a grande maioria dos alunos israelenses e palestinos ou árabes frequentam escolas distintas.

Há vários anos, os colonos extremistas e os ativistas de extrema-direita israelenses organizam uma campanha de agressões e atos de vandalismo chamada de "O preço a pagar" contra os palestinos, os árabes israelenses, os locais sagrados muçulmanos e cristãos e até mesmo contra o exército israelense.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia