Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quinta-feira 29 Outubro |
São Colmano
home iconReligião
line break icon

O que pode ser apresentado no ofertório da missa?

© dominicos.org

Pe. Henry Vargas Holguín - publicado em 06/01/15

O ofertório costuma receber pouca atenção das pessoas, mas é um momento importantíssimo, talvez o de maior participação dos fiéis na missa

Já sabemos muito bem que Jesus instituiu o sacrifício e o banquete pascoais. Quando? Na Última Ceia. E, quando o bispo ou sacerdote (representando Cristo) realizam o mesmo ato do Senhor (que os deixou a tarefa de fazer isso em memória dele), o sacrifício da cruz se faz continuamente presente na Igreja.

Por isso, a Igreja organizou a Liturgia Eucarística com as partes que respondem às ações e palavras de Jesus, começando pela apresentação dos dons. Em que consiste a preparação dos dons? Em levar ao altar as oferendas do pão e do vinho com água, ou seja, os mesmos elementos que Cristo tomou em suas mãos; são os dons que se converterão no Corpo e no Sangue de Jesus.

O ministro ordenado que preside a missa, ao receber as oferendas eucarísticas, bendiz Deus pelo pão e pelo vinho que foram recebidos da sua bondade e que são fruto da terra e do trabalho do homem, e as apresenta para que se tornem pão de vida e bebida de salvação.

Antes de levantar e oferecer o vinho, o ministro ordenado ou o diácono acrescenta uma gota de água ao vinho, representando a união hipostática da divindade e humanidade de Jesus. Mas representa também a união da nossa oferenda à oferenda perfeita de Cristo na cruz, junto a cada um de nós.

Isso quer dizer que nós participamos do sacrifício de Cristo; é sinal da participação da nossa natureza humana na natureza divina de Jesus.

Na Igreja primitiva, as oferendas do pão e do vinho eram levadas de casa pelos próprios fiéis ao lugar da celebração. Por isso, seria oportuno recuperar o belíssimo gesto de que as oferendas sejam sempre apresentadas pelos fiéis, pelo menos nos dias de festa.

Apesar das modificações nas modalidades (ou seja, apesar de o pão e o vinho já estarem na igreja), o rito de apresentá-los conserva seu significado espiritual, seu sentido e sua força.

A Instrução Geral do Missal Romano recorda que também se pode receber dinheiro ou outros dons para os pobres ou para a Igreja, trazidos pelos fiéis ou coletados na igreja, os quais são colocados no lugar apropriado, fora da mesa eucarística (n. 73).

Infelizmente, o ofertório costuma passar quase inadvertido, mas é um momento importantíssimo, talvez o de maior participação dos fiéis na missa. É importante saber e levar sempre em consideração que, no pão e no vinho, estão representados todos os dons de Deus que, no sacrifício, voltam a Ele.

O ofertório é o momento de oferecer nossas vidas ao Senhor, oferecer-nos com tudo o que somos e temos. E essa oferenda depois nos é devolvida pelo Senhor transformada nele mesmo.

Quando haja apresentação dos dons, é preciso organizar uma procissão. Portanto, as pessoas que vão apresentá-los devem se preparar antes, ou seja, antes de que o rito comece.

Como se prepara o ofertório e a procissão?

1. Depois da oração dos fiéis, começa a liturgia eucarística; esta, por sua vez, começa com o ofertório. A comunidade se senta.

2. As oferendas são apresentadas pelos fiéis, não pelos servidores do altar.

3. O ministro ordenado que preside a celebração (ou o diácono) se coloca entre o presbitério e a nave central da igreja.

4. Na procissão, sempre se leva em primeiro lugar o pão e o vinho, e depois outros dons para o serviço dos pobres (alimentos) ou da igreja (objetos litúrgicos e outros).

5. A procissão é feita pelo corredor central da igreja.

6. Os que participam da procissão fazem uma inclinação de cabeça antes de entregar as oferendas ao ministro ordenado que preside a celebração (ou a outro ministro delegado por ele) e, sem dizer nada, voltam aos seus lugares.

7. Se, além das oferendas eucarísticas do pão e do vinho, forem levadas outras oferendas, é oportuno precedê-las de algum comentário durante a procissão.

8. Se não houver comentário, deve haver um cântico apropriado.

9. Se houver cântico, este começa quando a procissão inicia.

10. As oferendas de dinheiro coletadas durante a procissão dos dons, que também fazem parte da oferenda, devem ser colocadas em um lugar visível, perto do altar.

11. Outros objetos podem ser levados com caráter simbólico, significando agradecimento a Deus, nosso compromisso de fidelidade a Ele, nossas boas ações, nossos trabalhos e sacrifícios etc. É preciso recordar que a Deus se oferece o melhor do melhor, sempre.

12. Obviamente, é preciso ter cuidado com o que se apresenta, e fazê-lo com a aprovação do ministro ordenado que preside a celebração.

13. O que se leva ao altar como dom deve ser algo que depois vá ficar na igreja, e não ser recuperado pela pessoa no final da celebração da missa.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
Oração
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
OLD WOMAN, WRITING
Cerith Gardiner
A carta de uma irlandesa de 107 anos sobre co...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia