Aleteia logoAleteia logoAleteia
Segunda-feira 22 Abril |
Aleteia logo
Religião
separateurCreated with Sketch.

Apenas sentado na poltrona não se conhece Deus, afirma Papa

TEL AVIV, ISRAEL – MAY 26: Pope Francis waves as he departs at Ben Gurion International Airport – pt

Kobi Gideon-Israeli GPO / Pool / Anadolu Agency

TEL AVIV, ISRAEL - MAY 26: Pope Francis waves as he departs at Ben Gurion International Airport

Vatican News - publicado em 10/02/15

Em homilia, Francisco explica que um cristão que quer conhecer a sua verdadeira identidade não pode se acomodar

O Papa Francisco advertiu hoje aqueles que pensam que vão conhecer o rosto de Deus estando apenas sentados no conforto do sofá.

Deus deve ser procurado e buscado, disse o Papa em sua homilia na Casa Santa Marta. Os cristãos que estão sentados e quietos não conhecerão o rosto de Deus.

Se um cristão quer conhecer a sua identidade, não pode estar cômodo na poltrona – disse Francisco –, partindo da leitura do Genesis que apresenta a criação do ser humano à ‘imagem de Deus’. O Papa meditou sobre os caminhos que existem para um cristão que queira conhecer a sua identidade.

“Quem não se coloca a caminho, jamais conhecerá a imagem de Deus, jamais encontrará a face de Deus. Os cristãos sentados, quietos, nunca descobrirão o rosto de Deus, jamais o conhecerão. Para caminhar, é preciso uma certa inquietude, que o próprio Deus colocou no nosso coração e que nos leva a busca-lo dia-a-dia”.

Colocar-se em caminho é deixar que Deus ou a vida nos coloque à prova, colocar-se em caminho é arriscar” – afirmou o Papa Francisco –, que recordou ainda que existe uma outra forma de estar quieto e parado e, portanto, falsificar a busca de Deus, que é aquela que acontece na passagem do Evangelho em que os escribas e os fariseus criticam Jesus porque os seus discípulos comem sem ter respeitado as lavagens rituais.

“No Evangelho, Jesus encontra pessoas que têm medo de colocar-se em caminho e que se conformam com uma caricatura de Deus. É uma falsa carteira de identidade. Esses não-inquietos calaram a inquietude do coração e retratam Deus com mandamentos…”

Na conclusão da sua homilia o Papa Francisco pediu ao Senhor que nos dê a todos “a graça da coragem de nos colocarmos a caminho, para buscar o rosto do Senhor, aquele rosto que um dia veremos, mas que aqui, sobre a Terra, temos que procurar” arriscando nos caminhos da vida.

(Rádio Vaticano)

Tags:
HomiliasPapa Francisco
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia