Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 31 Julho |
Santo Inácio de Loyola
home iconEstilo de vida
line break icon

A enfermeira que venceu os nazistas

© Mariusz Kubik

Javier Ordovás - publicado em 02/03/15

Irena Sendler, o "anjo do gueto de Varsóvia"

Irena Sendler (ou Sendlerowa) nasceu em 15 de fevereiro de 1910. Mais conhecida como "o anjo do gueto de Varsóvia", foi enfermeira durante a 2ª Guerra Mundial. Foi candidata ao Prêmio Nobel da Paz em 2007.

Em 1942, os nazistas criaram um gueto em Varsóvia e Irena, horrorizada pelas condições em que se vivia lá, uniu-se ao Conselho para a Ajuda de Judeus.

Ela mesma narra: "Consegui, para mim e para minha amiga Irena Schultz, identificações do departamento de saúde, uma de cujas tarefas era a luta contra as doenças contagiosas. Mais tarde, consegui passes para as outras colaboradoras. Como os alemães invasores tinham medo de que houvesse uma epidemia de tifo, toleravam que os poloneses controlassem o recinto".

Irena organizou uma rede para que as crianças judias fossem acolhidas secretamente por famílias polonesas, e queria que essas crianças pudessem recuperar seus verdadeiros nomes, sua identidade, suas histórias pessoais e suas famílias. Então, criou um arquivo no qual registrava os nomes das crianças e suas novas identidades.

Os nazistas souberam das suas atividades. Em 20 de outubro de 1943, Irena Sendler foi detida pela Gestapo e levada à infame prisão de Pawiak, onde foi brutalmente torturada.

Ela era a única que sabia os nomes e os endereços das famílias que albergavam as crianças judias. Suportou a tortura e se negou a trair seus colaboradores ou qualquer uma das crianças escondidas. Foi sentenciada à morte.

Em 1943, durante a Revolta de Varsóvia, ela colocou suas listas em dois frascos de vidro e os enterrou no jardim da sua vizinha para garantir que chegassem às mãos indicadas, se ela morresse.

Ao terminar a guerra, a própria Irena os desenterrou e entregou as anotações ao Dr.  Adolfo Berman, o primeiro presidente do Comitê de Salvamento dos Judeus sobreviventes. Infelizmente, a maior parte das famílias das crianças havia morrido nos campos de concentração nazistas.

No começo, as crianças que não tinham uma família adotiva foram cuidadas em diferentes orfanatos e, pouco a pouco, foram enviadas à Palestina.

Em novembro de 2003, o presidente da República, Aleksander Kwasniewski, outorgou-lhe a mais alta distinção civil da Polônia: a Ordem da Águia Branca. Irena foi acompanhada ao ato pelos seus familiares e por Elzbieta Ficowska, uma das meninas salvas, "a menina da colher de prata".

Em 2007, o governo da Polônia a apresentou como candidata ao Prêmio Nobel da Paz. No final, o prêmio foi dado a Al Gore.

Irena faleceu em Varsóvia (Polônia), em 12 de maio de 2008, aos 98 anos de idade.

A vida desta heroína foi levada às telas pela CBS, em "The Courageous Heart of Irena Sendler", em que foi interpretada pela ganhadora de um Oscar, Anna Paquin.

Tags:
Guerrajudeusnazismo
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
SIMONE BILES
Cerith Gardiner
Simone Biles deixa as Olimpíadas com uma lição importante para to...
2
Ítalo Ferreira
Reportagem local
Ouro no surfe em Tóquio, Ítalo Ferreira rezou todos os dias às 3h...
3
Batizado de Davi Henrique, 6 anos
Reportagem local
Davi, de 6 anos, reclama do padre no batizado: “Tá sabendo ...
4
HIDILYN DIAZ
Cerith Gardiner
Olimpíadas: depois de ganhar o ouro, atleta exibe outra medalha e...
5
David Arias
Reportagem local
Ex-satanista mexicano retorna à Igreja e testemunha: “O ter...
6
Claudio de Castro
Como salvar nossas almas nos últimos minutos antes da morte
7
Pessoa idosa rezando o terço
Reportagem local
Brasil: carta de despedida de bisavó de 96 anos comove as redes s...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia