Aleteia

Em português: sangue de São Januário se liquefaz nas mãos do Papa Francisco

Compartilhar
Comentar

Vídeo inédito com as palavras do Papa no instante do milagre

O milagre aconteceu em Nápoles (Itália), no último sábado, 21 de março.
 
O sangue de São Januário, que é conservado em uma ampola de vidro desde o século IV, deixou o estado de coagulação e se tornou líquido novamente. O milagre se repete nas festas do santo, mas, diante de um papa, isso não acontecia desde 1848, com o Papa Pio IX.
 
As pessoas presentes gritavam: "Milagre! Milagre!". Parecia um gol: o povo de Nápoles ama o futebol e vive a religiosidade da mesma maneira, com paixão.
 
O Papa Francisco, como sempre, reagiu com humildade. Ao constatar o milagre, o cardeal Sepe exclamou: "Sinal de que São Januário gosta do Papa, que é napolitano como nós, porque metade do sangue se liquefez!".
 
Já o Papa, com seu jeito simples e bem humorado, respondeu: "O bispo disse que a metade do sangue se liquefez, acho que o santo gosta de nós pela metade, precisamos nos converter um pouco mais para que ele goste mais de nós!".
 
O Santo Padre concluiu seu encontro agradecendo e fazendo um pedido: "Muito obrigado! E por favor, eu lhes peço: não se esqueçam de rezar por mim. Obrigado."

Boletim
Receba Aleteia todo dia