Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Receba diretamente no seu email os artigos da Aleteia.
Cadastrar-se

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

“Pedras no caminho? Guardo todas, um dia vou construir um castelo…”

Palais Ideal du Facteur Cheval, Hauterives, Rhone-Alpes, France 01 


<a href="http://www.shutterstock.com/pic.mhtml?id=64675186&src=id" target="_blank" />Palais Ideal du Facteur Cheval, Hauterives, Rhone-Alpes, France 01</a> © PHB.cz (Richard Semik) / Shutterstock
Compartilhar

Quem nunca ouviu esta frase, não é mesmo? Conheça o homem que – literalmente – fez isso

Ferdinand Cheval (1836-1924) foi um carteiro francês que dedicou 33 anos da sua vida a construir um castelo com as pedras que encontrava em seu caminho.
 
Aos 43 anos de idade, Ferdinand tropeçou em uma pedra enquanto caminhava. Foi então que ele teve a ideia de colecionar as "pedras do caminho" para construir um castelo, que hoje é um ponto turístico: o "Palácio Ideal", na cidade de Hauterives (França).
 
A paciência deste homem e sua obra de arte podem servir de lição para todos nós: que tal ir recolhendo as "pedras" do seu caminho, as dificuldades da sua vida, para construir seu castelo de sabedoria e experiência?
 
Confira algumas fotos do "Palácio Ideal" de Ferdinand:

Boletim
Receba Aleteia todo dia