Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Segunda-feira 12 Abril |
São David Uribe Velasco
home iconReligião
line break icon

Estou doente, como posso viver a Semana Santa em casa?

Rob / Flickr / CC

Aleteia Vaticano - publicado em 01/04/15

Quem mais participa da Redenção é aquele que se une vitalmente ao mistério pascal de Jesus

Que paradoxo: muitos dos que poderiam ir à igreja nesta Semana Santa não irão simplesmente porque “não estão com vontade”; outros, que gostariam muito de ir às celebrações, não poderão ir, porque estão doentes ou são idosos demais.

A estas pessoas que gostariam de ir, mas não poderão, eu gostaria de dizer uma coisa: quem mais participa da Redenção não é aquele que materialmente assiste aos ofícios da Semana Santa, mas aquele que se une vitalmente ao mistério pascal do Senhor.

Há pessoas que podem participar de todas as atividades que a paróquia organiza, mas por mero costume ou sem reta intenção; inclusive podem ir para “aparecer”, ter fama ou prestígio, obter vantagens pessoais etc. Aqui, não estamos nos países orientais, nos quais ir até a igreja é arriscar a vida.

Quem não retifica sua intenção aproveitará muito pouco das celebrações, talvez nem aproveite nada ou até saia prejudicado; sua consciência ficará mais adormecida, achará que é um herói por chegar cansado a casa. Mas de que adiantam os sacrifícios físicos, se não levam à conversão? De que me serve o cansaço físico, se ele não toca minha vida e continuo com os mesmos vícios?

A doença ou velhice em si não mudam a atitude com relação a Deus e à salvação, mas, quando o sofrimento visita a pessoa e ela experimenta sua impotência, limitação e finitude, ou quando vislumbra a proximidade da morte, tudo pode mudar.

É a oportunidade de dirigir o olhar a Deus, às realidades eternas, de suplicar a assistência divina para não cair na angústia, de pedir a graça de não ficar centrado em si mesmo ou afundar na depressão.

A Semana Santa, vivida em um leito de hospital ou em uma cadeira em casa, pode ser a oportunidade de que eu precisava para sair da minha rebeldia com Deus, de maravilhar-me diante do seu amor, que foi capaz de entregar seu próprio Filho pela minha salvação; de unir-me à Paixão desse Filho para colaborar com a redenção da minha família e da humanidade. Outros conseguiram isso, por que eu não?

Santa Teresinha do Menino Jesus, enferma de tuberculose, prostrada em uma cama, com crises terríveis de tosse e vômitos de sangue, com momentos de inconsciência devido à dor e espantosas dúvidas de fé, sabia que, ainda que não visse a luz por causa dessas espessas nuvens que a cercavam, por trás da escuridão o sol continuava brilhando e, passada a hora das trevas, essa luz não somente a iluminaria, mas a envolveria e transformaria.

Se o Senhor olhou para nós com predileção e nos convida a participar da sua cruz, ainda que neste momento não compreendamos, ainda que para nós seja uma noite escuta, aproveitemos!

Contemplemos a Paixão do Senhor, unamo-nos a ela, aceitemos nosso sofrimento e ofereçamos tudo isso àquele que “me amou e se entregou por mim”, àquele que “me amou primeiro”. Ofereçamos nosso sofrimento pela nossa salvação, pela nossa família, pelos padres, pelo Papa, pela humanidade inteira.

Da nossa casa, da nossa cama, podemos rezar; podemos assistir às celebrações pela televisão ou internet; ver algum filme sobre a Paixão; alguém pode ler para nós as leituras das celebrações da semana etc.

E aí, da nossa cruz, com nossa oração, podemos apoiar a Igreja e salvar a humanidade.

Tags:
DoençaOraçãoSemana SantaSofrimento
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Jim Caviezel
J-P Mauro
Jim Caviezel fez o que pode ser considerado um dos maiores discur...
2
PRINCE PHILIP
Cerith Gardiner
11 fatos interessantes sobre o falecido príncipe Philip
3
Padre Gilvan Manuel da Silva perde pais e irmãos para covid-19
Reportagem local
Padre perde pais e irmãos para covid-19 e afirma: “Continua...
4
ALTAR BOY,
Un cammino chiamato famiglia
Coroinha desmaia durante Via Sacra, mas a cru...
5
Reportagem local
Santo Sudário, novo estudo: “Não é imagem de morto, mas de ...
6
DIVINE MERCY
Reportagem local
Como obter indulgência plenária no Domingo da Divina Misericórdia...
7
CARDEAL RANIERO CANTALAMESSA
Francisco Vêneto
Desobediência à Igreja dilacera a fraternidade católica, diz preg...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia