Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Terça-feira 24 Novembro |
Santas Flora e Maria
home iconAtualidade
line break icon

ONU pede rápida investigação dos assassinatos na Ucrânia

<p>O secretário-geral da ONU Ban Ki-moon fala durante coletiva de imprensa, em Washington, DC, no dia 17 de abril de 2015</p>

AFP - publicado em 17/04/15

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, afirmou nesta sexta-feira que é crucial que as autoridades ucranianas investiguen rapidamente os assassinatos de duas figuras pró-russas em Kiev.

Ban expressou sua preocupação sobre as mortes e assinalou queo presidente Petro Poroshenko prometeu realizar uma investigação rápida.

Na véspera, um conhecido jornalista ucraniano pró-russo, Olea Buzina, foi assassinado em Kiev, na segunda morte por disparos de uma pessoa favorável a Moscou na capital ucraniana em 24 horas.

Petro Poroshenko classificou o assassinato e os outros crimes similares ocorridos nos últimos dias como "provocações em benefício dos inimigos da Ucrânia" e pediu uma investigação transparente dos fatos.

Um dia antes, um ex-deputado pró-russo foi assassinado a tiros em Kiev, outro aliado do ex-presidente ucraniano Viktor Yanukovich que perdeu a vida em situação estranha nos últimos dois meses.

O corpo do ex-deputado Oleg Kalashnikov, do Partido das Regiões, de Yanukovich, foi encontrado em sua casa no início da noite, revelou o ministério do Interior em um comunicado, destacando que ele morreu baleado.

A morte de Kalashnikov também ocorreu após o suposto suicídio de Olexander Peklushenko, ex-governador e também membro do Partido das Regiões, encontrado morto em meados de março em sua casa no sul da Ucrânia.

Dias antes, Stanislav Melnik, outro ex-deputado do Partido das Regiões, foi achado morto em sua residência na região de Kiev, vítima de mais um suicídio aparente.

No final de fevereiro, Mikhailo Chechetov, também do partido de Yanukovich, teria cometido suicídio ao se jogar do 17º andar de um prédio em Kiev.

O Parlamento ucraniano destituiu o pró-russo Viktor Yanukovich em fevereiro de 2014, após três meses de protestos e conflitos no centro de Kiev.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
FATHER PIO
Maria Paola Daud
Quando Jesus conversou sobre o fim do mundo c...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Medalha de São Bento
pildorasdefe.net
Oração a São Bento para afastar o mal e pedir...
Reportagem local
Oração para afastar o mal de um recinto
SAINT MICHAEL
Philip Kosloski
Oração a São Miguel por proteção contra inimi...
pildorasdefe.net
Por que você não vai para frente? Talvez este...
AGNUS DEI,LAMB
Jesús Colina
Ninguém consegue ouvir este “Agnus Dei” sem s...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia