Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 05 Dezembro |
São Saba
home iconAtualidade
line break icon

Ex-chefe da CIA é condenado a dois anos de liberdade condicional e US$ 100 mil

<p>O ex-diretor da CIA (Agência Central de Inteligência) David Petraeus foi condenado nesta quinta-feira a dois anos de prisão com sursis e 100.000 dólares de multa no caso do vazamento de documentos confidenciais entregues a sua amante</p>

AFP - publicado em 24/04/15

O ex-diretor da CIA (Agência Central de Inteligência) David Petraeus foi condenado nesta quinta-feira a dois anos de liberdade condicional e 100.000 dólares de multa no caso do vazamento de documentos confidenciais entregues à sua amante, anunciou o Departamento de Justiça americano.

Petraeus, o ex-general conhecido nos Estados Unidos como o homem que mudou o curso da guerra no Iraque, se declarou culpado em um tribunal da Carolina do Norte.

O ex-diretor da CIA e herói dos Estados Unidos evitou assim um julgamento potencialmente embaraçoso e colocou um ponto final ao escândalo que abalou a inteligência americana em 2012.

Se não se declarasse culpado, o militar poderia ser condenado a seis anos de prisão – cinco deles com liberdade condicional – pela principal acusação. Segundo os critérios de recomendação do governo, haveria a possibilidade de acumular outros dois anos por obstrução da Justiça e abuso de função.

O departamento de Justiça disse previamente que Petraeus reconheceu ter dado oito "livros negros" – registros que guardava de quando era comandante americano no Afeganistão – à sua amante e biógrafa, Paula Broadwell.

"Hoje chega ao fim um período difícil de dois anos e meio, que são consequência dos erros que eu cometi", admitiu Petraeus ao sair do tribunal em Charlotte, segundo um canal de televisão local.

"Como fiz no passado, pedi perdão a pessoas próximas e a muitas outras, inclusive a quem tive o privilégio de servir durante anos no governo e no exército. Quero aproveitar para agradecer a todos aqueles que expressaram e demostraram seu apoio", disse.

– TOP SECRET –

Os cadernos incluíam sua rotina diária, anotações confidenciais, a identidade de agentes secretos, detalhes sobre a capacidade da inteligência americana, palavras em código, resumos das sessões do Conselho de Segurança Nacional e relatos de suas reuniões com o presidente Barack Obama, segundo os documentos da justiça.

"Os livros negros contêm informação confidencial e de defesa nacional", explica.

"São muito secretos, alguns deles… quero dizer que há material codificado neles".

Um funcionário historiador do Departamento de Defesa recolheu os documentos secretos que Petraeus acumulou quando era general, mas ele nunca havia dado seus computadores ao historiador, como havia sido solicitado.

Petraeus se comunicou por email com Broadwell, prometendo lhe dar os computadores e os enviou pessoalmente à sua residência em Washington DC. Recuperou os chamados livros negros alguns dias depois e os guardou em sua casa.

Em outubro de 2012, agentes do FBI interrogaram Petraeus na sede da CIA quando ainda era diretor. O general aposentado lhes disse que nunca havia repassado qualquer informação secreta a Broadwell.

Agora, Petraeus "admitiu ter retirado e conservado sem autorização informação secreta e ter mentido ao FBI e à CIA sobre a posse e manipulação de informação sigilosa", declarou a promotora Jill Westmoreland Rose em um comunicado.

Ter dado informação secreta a Broadwell e depois ter ficado com os computadores em casa claramente viola sua obrigação legal de salvaguardar a informação sigilosa, disseram as autoridades.

Nenhuma informação secreta apareceu no livro de Broadwell publicado em 2012.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
HUG
Dolors Massot
Médico abraça paciente com Covid-19 que chora...
PADRE NO ALTAR DA MISSA
Reportagem local
Missa de Crisma é interrompida por policiais ...
Missa de Crisma
Reportagem local
Arcebispo detona interrupção de Missa: "Ocorr...
BOKO HARAM NIGÉRIA
Francisco Vêneto
Terroristas islâmicos degolam mais de 100 pes...
Bispo brasileiro Dom Antônio Carlos Rossi Keller
Reportagem local
Mais um bispo brasileiro detona: "Autoridades...
Aleteia Brasil
Oração do Advento
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia