Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 05 Dezembro |
São Saba
home iconAtualidade
line break icon

Milícias xiitas iraquianas em Ramadi para lutar contra o EI

<p>Integrante da força de combate ao terrorismo do ministério do Interior do Iraque perto da base militar de Habaniyah, próxima da capital da província de Anbar, Ramadi, em 8 de maio</p>

AFP - publicado em 18/05/15

As milícias xiitas seguiam nesta segunda-feira para Ramadi com o objetivo de ajudar as forças iraquianas a retomar a cidade estratégica, que o grupo jihadista Estado Islâmico (EI) conseguiu controlar no fim de semana.

A perda da cidade, 100 km ao oeste de Bagdá, é a maior derrota militar do exército iraquiano desde o início da ofensiva, no começo do ano, para impedir o avanço dos jihadistas.

O primeiro-ministro iraquiano, Haider al-Abadi, o governo dos Estados Unidos e as autoridades religiosas sunitas da província de Al-Anbar, onde se fica Ramadi, expressam dúvidas sobre a presença na região de grupos apoiados pelo Irã.

Justamente nesta segunda-feira, o ministro da Defesa iraniano, Hosein Dehghan, desembarcou em Bagdá para uma reunião com o colega iraquiano, uma visita que já estava prevista.

Até o momento, Bagdá e Washington optaram por favorecer o desenvolvimento de forças locais, mas os líderes das milícias afirmaram nesta segunda-feira que ficou claro nos últimos dias que o governo não pode prescindir das Unidades Populares de Mobilização, que reúnem milícias e voluntários.

Hadi al-Ameri, comandante da poderosa milícia xiita Badr, disse que as autoridades de Al-Anbar deveriam ter aceitado sua oferta antes.

Ameri afirmou que considera as autoridades "responsáveis pela queda de Ramadi porque foram contrárias à participação" das Unidades Populares de Mobilização.

Um porta-voz do Ketab Hezbollah, um importante grupo paramilitar xiita, afirmou que a organização já tem unidades preparadas para viajar até Ramadi, a partir de três localidades.

O EI anunciou que assumiu o controle total da cidade iraquiana de Ramadi, em um comunicado divulgado em fóruns na internet.

O grupo utilizou vários carros-bomba para entrar em bairros controlados pelo governo na quinta-feira e sexta-feira.

A bandeira do gripo foi hasteada no centro de operações da província de Al-Anbar e milhares de pessoas fugiram da cidade.

De acordo com as autoridades locais, quase 500 pessoas morreram nos três dias de cerco.

Apesar do Pentágono ter anunciado no domingo que a situação em Ramadi "permanece disputada e que é muito cedo para fazer declarações definitivas", militares iraquianos confirmaram que as bases foram abandonadas.

A tensão entre Teerã e Washington, principais aliados de Bagdá na luta contra o EI, já havia sido constatada no mês passado, na operação em que o governo conseguiu recuperar Tikrit.

Agora, a queda de Ramadi e a expansão do EI na província de Al-Anbar parecem uma crescente ameaça para Kerbala, cidade sagrada para os xiitas e berço do cisma entre as duas correntes do islã.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
HUG
Dolors Massot
Médico abraça paciente com Covid-19 que chora...
PADRE NO ALTAR DA MISSA
Reportagem local
Missa de Crisma é interrompida por policiais ...
Missa de Crisma
Reportagem local
Arcebispo detona interrupção de Missa: "Ocorr...
BOKO HARAM NIGÉRIA
Francisco Vêneto
Terroristas islâmicos degolam mais de 100 pes...
Bispo brasileiro Dom Antônio Carlos Rossi Keller
Reportagem local
Mais um bispo brasileiro detona: "Autoridades...
Aleteia Brasil
Oração do Advento
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia