Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quinta-feira 26 Novembro |
São Silvestre Guzzolini
home iconAtualidade
line break icon

Lentidão na reconstrução de Gaza preocupa FMI

AFP - publicado em 20/05/15

O Fundo Monetário Internacional (FMI) manifestou, nesta terça-feira, sua preocupação com a lentidão na reconstrução da Faixa de Gaza, devastada pelo conflito com Israel em 2014.

"O processo de reconstrução em Gaza avança muito mais lentamente do que o previsto", declara o FMI em seu novo relatório sobre a economia palestina.

O custo econômico dos 50 dias de guerra entre o Estado hebreu e os grupos armados palestinos no verão de 2014 foi avaliado em US$ 4 bilhões em Gaza, lembra o Fundo, observando que "dezenas de milhares" de casas e empresas foram destruídas, ou danificadas, nesse território submetido a um duplo bloqueio – israelense e egípcio.

"A despeito de progressos notáveis ligados ao encaminhamento de materiais para o reparo de casas, os maiores projetos de construção que são necessários para criar empregos continuam na espera", critica o FMI.

Segundo a instituição, o atraso está relacionado, principalmente, a um aporte internacional menor do que o previsto.

Dos US$ 3,5 bilhões prometidos em outubro passado na Conferência do Cairo – apenas para a reconstrução de Gaza -, pouco menos de 30% haviam sido, de fato, desembolsados até meados de abril, detalha o relatório do FMI.

Também contribuem para o atraso na reconstrução a degradação das relações entre israelenses e palestinos e a divisão persistente entre o Fatah, no poder na Cisjordânia, e o Hamas, que controla Gaza.

"A reconciliação (dos movimentos palestinos) é necessária para que a recuperação de Gaza aconteça", afirma o relatório do FMI.

O Fundo também expressou sua preocupação com as perspectivas da economia palestina, que entrou em recessão em 2014 pela primeira vez, desde 2006.

A instituição teme que novas restrições israelenses possam ter um impacto "negativo" significativo. No início de 2015, Israel congelou o repasse de recursos devidos à Autoridade Palestina, em represália à adesão palestina ao Tribunal Penal Internacional (TPI).

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
MARYJA
Philip Kosloski
A melhor oração mariana para quando você prec...
Papa Francisco com máscara contra covid
Reportagem local
As 3 “covids” do Papa Francisco
WEB2-COMMUNION-EUCHARISTIE-HOSTIE-GODONG-DE354465C-e1605635059906.jpg
Reportagem local
Internado na UTI, Pe. Márlon Múcio continua c...
pildorasdefe.net
Por que você não vai para frente? Talvez este...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Confissão não é para contar problemas, mas para contar pecados
Pe. Gabriel Vila Verde
Confissão não é para contar problemas, mas pa...
RED WEDNESDAY
Reportagem local
Perseguição aos cristãos no mundo é denunciad...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia