Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 05 Dezembro |
São Saba
home iconAtualidade
line break icon

Os obstáculos na reaproximação entre EUA e Cuba

<p>Gráfico das relações entre Cuba e EUA até abril passado</p>

AFP - publicado em 02/07/15

Os governos de Estados Unidos e Cuba anunciaram nesta quarta-feira o restabelecimento de suas relações diplomáticas plenas e a reabertura iminente de suas embaixadas, os primeiros passos em um complexo processo de normalização que ainda deverá enfrentar enormes obstáculos.

O restabelecimento de relações diplomáticas permitirá um nível elevado de diálogo para resolver os temas pendentes, em especial o fim do embargo econômico e financeiro à ilha, e a solução às exigências por propriedades expropriadas em território cubano.

O embargo econômico e financeiro a Cuba se apoia em um enorme emaranhado legal codificado em lei, de forma que apenas o Congresso tem em suas mãos a chave para iniciar seu desmonte.

Com suas 40 páginas de extensão, a chamada "lei LIBERTAD", conhecida simplesmente como Helms-Burton, é a compilação de todas as sanções em vigor contra Cuba.

Esta lei determina as restrições ao comércio e às viagens, o veto de Washington à participação de Cuba em organismos multilaterais e sanções a empresas americanas ou de terceiros países que invistam em Cuba, entre muitos outros dispositivos.

No dia 17 de dezembro, ao anunciar o início das negociações com Cuba sobre relações diplomáticas, o presidente Barack Obama expressou claramente que desejava o fim do embargo, classificado por ele como uma política "que não deu resultados".

No entanto, com as duas câmaras do Congresso controladas pelo opositor Partido Republicano, Obama não conseguiu aprovar uma ampla reforma do sistema migratório, um cenário que gera dúvidas sobre sua capacidade de convencer o Capitólio para a conveniência de remover o embargo a Cuba.

O outro tema que está pendente é a negociação bilateral pelo enorme número de ações judiciais nos Estados Unidos por propriedades expropriadas pelo governo cubano na década de 1960.

Atualmente existem 5.911 processos abertos nos Estados Unidos, por parte de empresas e cidadãos tanto cubanos quanto americanos, por propriedades expropriadas em Cuba, concessões e bens perdidos, que de acordo com cálculos somam atualmente entre 7 e 8 bilhões de dólares.

Deste volume total de compensações, aproximadamente 90% correspondem a empresas cujas instalações e operações foram nacionalizadas depois de 1959, como a Cuban Electric Company, ITT, North Sugar Company, Standard Oil e Texaco, entre outras.

Já Cuba aprovou a lei 80/1996, onde admite de forma explícita a necessidade de encontrar uma solução negociada a estas exigências por propriedades expropriadas.

Esta lei, no entanto, condiciona um eventual acordo a uma negociação paralela pelos danos provocados em Cuba pelo embargo americano de meio século. Autoridades cubanas estimaram estes danos em 100 bilhões de dólares.

Finalmente, também resta a situação da base naval que os Estados Unidos mantêm desde 1903 no município de Caimanera, em Guantánamo. Cuba.

O governo americano estuda formas de fechar um centro de detenção que opera na base, mas no momento não considera negociar a devolução do espaço a Cuba.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
HUG
Dolors Massot
Médico abraça paciente com Covid-19 que chora...
PADRE NO ALTAR DA MISSA
Reportagem local
Missa de Crisma é interrompida por policiais ...
Missa de Crisma
Reportagem local
Arcebispo detona interrupção de Missa: "Ocorr...
BOKO HARAM NIGÉRIA
Francisco Vêneto
Terroristas islâmicos degolam mais de 100 pes...
Bispo brasileiro Dom Antônio Carlos Rossi Keller
Reportagem local
Mais um bispo brasileiro detona: "Autoridades...
Aleteia Brasil
Oração do Advento
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia