Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 29 Novembro |
Bem-aventurados Dionísio da Natividade e Redento da Cruz
home iconAtualidade
line break icon

Irã e potências enfrentam 'hora da verdade' em negociação nuclear

<p>O último ato na longa negociação entre o Irã e as grandes potências pelo programa nuclear iraniano começou nesta segunda-feira, em uma corrida contra o tempo para resolver as divergências que impedem um acordo histórico, um dia antes do prazo de 7 de julho.</p>

AFP - publicado em 06/07/15

O último ato na longa negociação entre o Irã e as grandes potências pelo programa nuclear iraniano começou nesta segunda-feira, em uma corrida contra o tempo para resolver as divergências que impedem um acordo histórico, um dia antes do prazo de 7 de julho.

Os ministros das Relações Exteriores do grupo 5+1 (Estados Unidos, Rússia, Reino Unido, França, China e Alemanha) retornaram a Viena no décimo dia de negociações, mas as partes advertiram que o acordo ainda não estava garantido.

Nesta segunda-feira, um funcionário iraniano afirmou que Teerã fez várias concessões e mostrou muita flexibilidade, sendo necessário que os ministros abordem "uns poucos assuntos".

Apesar disso, admitiu que alguns deles eram de peso e não haviam sido resolvidos pelos especialistas ou pelas autoridades ministeriais de mais baixa patente, e não eram fáceis.

Também estavam presentes nesta segunda-feira o ministro das Relações Exteriores russo, Serguei Lavrov, e chinês, Wang Yi, que disse nesta segunda-feira que "um acordo completo estava ao alcance".

"O importante é que hoje e amanhã todas as partes, especialmente Estados Unidos e Irã, tomarão suas decisões finais o mais rápido possível", disse Wang.

Chegou a hora

Na véspera, o secretário de Estado americano, John Kerry, declarou que "chegou a hora" de concluir as negociações sobre o programa nuclear iraniano, indicando, porém, que as conversações seguem abertas em Viena.

"Chegou a hora de ver se podemos ou não chegar a um acordo", disse Kerry, acrescentando que as negociações ainda poderiam caminhar "para um lado ou outro".

Esta é a segunda aparição pública de Kerry desde sua chegada em Viena, em 26 de junho, para a maratona de discussões e reuniões diárias com o seu colega iraniano Mohammad Javad Zarif.

"Nos últimos dias, fizemos progressos genuínos, mas quero ser absolutamente claro com todos, não estamos onde deveríamos estar com relação a várias das questões mais difíceis", acrescentou Kerry, que realizou três reuniões neste domingo com Zarif.

"Todas as cartas estão na mesa. A questão principal é saber se os iranianos aceitam assumir compromissos claros", destacou o chefe da diplomacia francesa, Laurent Fabius, de volta a Viena na tarde deste domingo, lembrando que restam apenas "72 horas de negociações".

Já a chefe da diplomacia europeia, Federica Mogherini, declarou em sua chegada à Viena que um acordo "está muito próximo".

"O momento chegou (…) estamos muito perto" de um acordo, assegurou, antes de entrar no palácio Cobourg, onde ocorrem as negociações.

As negociações de Viena foram retomadas formalmente há dez dias, e os negociadores têm, teoricamente, até 7 de julho para chegar a um acordo final.

Equação complexa

O Irã e 5+1 tentam resolver há meses a questão nuclear iraniana, um dos temas internacionais mais complexos e mais sensíveis de todos.Nos temos do acordo procurado, Teerã concordaria em reduzir e color sob controle internacional seu programa nuclear, em troca de um levantamento das sanções que estrangulam sua economia há uma década.

Especialistas e diplomatas trabalham dia e noite em um "texto de 20 páginas, com cinco anexos, totalizando entre 70 e 80 páginas", segundo Abbas Araghchi, um dos principais negociadores iranianos.

O objetivo é apresentar aos ministros um projeto o mais preciso e consensual possível, de modo que os políticos tomem as decisões finais.

O objetivo de um eventual acordo é impedir que o programa iraniano tenha uma dimensão militar, em troca do levantamento das sanções internacionais que afetam o Irã.

Os iranianos exigem uma retirada rápida e total das sanções, enquanto o grupo 5+1 defende um processo gradual e reversível em caso de violação do acordo.

O diretor-geral da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA), Yukiya Amano, declarou no sábado que a sua organização poderia concluir ainda este ano a investigação sobre a "possível dimensão militar" (PMD) do programa nuclear do Irã, um dos pontos-chave do processo.

A PMD é um dos aspectos mais delicados das negociações. A AIEA suspeita que Teerã pode ter conduzido pesquisas, pelo menos até 2003, com o objetivo de adquirir a bomba atômica, e quer acesso aos cientistas envolvidos, bem como aos documentos e instalações que poderiam ter abrigado estas investigações.

O Irã sempre negou qualquer intenção em adquirir arsenal militar nuclear, alegando que os documentos nos quais a AIEA se baseia são falsos.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
POPE URBI ET ORBI
Reportagem local
Bênção Urbi et Orbi do Papa Francisco nesta s...
Folheto divulgado por Antônio Carlos da Silva
Reportagem local
Eu nasci mais ou menos em 1988: os 27 anos da...
READING
Gelsomino Del Guercio
3 regras fundamentais para os leitores da mis...
SANTUÁRIO DE APARECIDA INTERIOR BASÍLICA
Reportagem local
Suposto surto de covid-19 entre padres do San...
Jesús V. Picón
Padre com câncer terminal: perde os olhos, ma...
FATIMA
Philip Kosloski
Nossa Senhora de Fátima tem um conselho para ...
Medalha Milagrosa verdadeira ou falsa
Reportagem local
Cuidado: saiba distinguir entre a real Medalh...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia