Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Segunda-feira 23 Novembro |
Santo Anfilóquio
home iconAtualidade
line break icon

Presidente iraniano garante que acordo nuclear reforçará estabilidade regional

<p>O presidente iraniano, Hassan Rohani, dando uma declaração em Teerã, no dia 14 de julho de 2015</p>

AFP - publicado em 17/07/15

O acordo alcançado em Viena sobre o programa nuclear de Teerã irá reforçar a estabilidade regional, estimou o presidente iraniano, Hassan Rohani, em uma conversa por telefone com o sultão de Omã.

"Contrariamente à opinião de alguns na região, este acordo (celebrado entre o Irã e as grandes potências) irá realmente reforçar a segurança, a estabilidade e a cooperação entre os vizinhos", declarou Rohani, citado nesta sexta-feira pela agência de notícias oficial Irna.

O Irã, de maioria xiita, mantém relações amistosas com o sultanato de Omã, que desempenhou um papel importante na facilitação do diálogo entre Teerã e Washington, o que levou a um acordo.

Omã é a única monarquia do Golfo que não participa da coalizão liderada pela Arábia Saudita contra os rebeldes xiitas no Iêmen, próximos ao governo de Teerã.

Na quinta-feira, o ministro saudita das Relações Exteriores, Adel al-Jubeir, advertiu o Irã durante uma visita a Washington que não deve tentar usar o levantamento das sanções para financiar "aventuras na região".

Entre os países da região, Israel também declarou sua hostilidade ao acordo nuclear.

O presidente Rohani expressou, por sua vez, preocupação com "a guerra e os massacres na Síria e no Iêmen".

"Consideramos que para tais crises só há soluções políticas, e que devemos reforçar esta ideia (entre os líderes) dos países da região", disse ele.

O Irã apoia o regime de Bashar al-Assad na Síria, que enfrenta vários grupos rebeldes, incluindo os jihadistas do Estado Islâmico, e no Iêmen expressou seu apoio aos rebeldes huthis.

"Também esperamos que com a ajuda do Irã possamos fazer algo para corrigir as crises na região", disse por sua vez o sultão Qabus bin Said, citado pela IRNA.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
FATHER PIO
Maria Paola Daud
Quando Jesus conversou sobre o fim do mundo c...
ŚWIĘTA TERESA WIELKA
Philip Kosloski
Oração de Santa Teresa de Ávila para acalmar ...
IOTA
Lucía Chamat
Imagem da Virgem resiste a furacão que devast...
EL TOCUY
Aleteia Brasil
Pe. Gabriel Vila Verde: há muita diferença en...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
Atenção: versão falsa e satânica da Medalha M...
POPE AUDIENCE
Reportagem local
A oração de cura que pode ser dita várias vez...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia