Aleteia

Ele podia escolher qualquer presente para si, mas quis ajudar os outros

Facebook
Compartilhar

Menino diagnosticado com câncer tem possibilidade de realizar um desejo e decide ajudar sua comunidade

Quando falamos em sonhos e desejos, normalmente nos voltamos sempre para o lado de satisfazermos a nós mesmos. Este não foi o caso do ambicioso Lucas Hobbs, um garoto de 12 anos de idade que resolveu ajudar toda a sua comunidade na hora de realizar um desejo, proporcionado por uma instituição. Com um food truck próprio, já alimentou mais de mil pessoas gratuitamente.

A trajetória de Lucas não foi das mais fáceis até o sonho se concretizar, já enfrentando grandes dificuldades com a pouca idade. Há sete meses, o garoto de Minnesota tratou um linfoma Hodgkin, que aparece nos glânglios do sistema linfático, de estágio três, o que o mantinha sem apetite algum. Para a alegria de todos, o câncer está em remissão e ele não sabia como agradecer àqueles que o ajudaram durante o tratamento.

Com ajuda da Make-A-Wish, uma instituição que realiza sonhos de crianças diagnosticadas com câncer, ele tomou uma atitude diferente e fez do seu desejo uma benfeitoria para todos de sua comunidade. “Queria usar o meu desejo para retribui-los“, disse. Sendo assim, o menino interessado em ser chef de cozinha – ou policial, pois acredita que são injustiçados pela mídia -, criou o food truck CheflucasFood, que serve refeições gratuitas a quem precisa. A ideia veio do filme Chef, que mostra pai e filho operando um trailer de comida.

No itinerário, já parou em lugares como a igreja St. John Newmann, onde ajudou a alimentar mais de mil pessoas, incluindo agora um albergue, uma creche, um asilo, um departamento de polícia e o hospital que o tratou, o Minneapolis Children’s Hospital, na rota. A Make a Wish conta com a parceria da associação local de food trucks, que auxiliam Hobbs na cozinha.

E todos ficam impressionados com o engajamento do menino. Haley Fritz, sócio do food truck O’Cheeze, disse que quer contrata-lo. Abby Gregory, porta-voz da fundação, apontou que o desejo dele é um dos mais raros que a organização já recebeu. Enquanto isso, o pai Matt Hobbsse enche de orgulho, reforçando que a Make a Wish e os food trucks estão ajudando seu filho a criar memórias inesquecíveis.

Lucas terminou a quimioterapia e já está recuperando seu apetite e sua força. Ele certamente está fazendo pelos outros o que muitas pessoas nunca fizeram durante toda a vida. Com pouca idade e muita força de vontade, é uma inspiração para o nosso presente e futuro ser mais especial e melhor dentro dos pequenos momentos do dia a dia.


 

Boletim
Receba Aleteia todo dia