Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Receba o nosso boletim

Aleteia

Relações entre EUA e Cuba nos últimos 50 anos

(Julho) Bandeira cubana é hasteada na embaixada da ilha em Washington

Compartilhar

Segue abaixo a cronologia das relações entre Washington e Havana nos últimos 50 anos:

1961

– 3 de janeiro: EUA rompem relações diplomáticas com Cuba.

– 16 de abril: Fidel Castro proclama o caráter socialista da revolução.

– 17 de abril: Invasão da Baía dos Porcos, financiada pela CIA e derrotada dois dias depois.

1962

– Janeiro: Cuba é suspensa da OEA após pressões de Washington.

– 3 de fevereiro: EUA impõem embargo a Cuba.

– Outubro: Crise dos mísseis. Washington e Moscou se enfrentam por foguetes nucleares soviéticos instalados em Cuba.

1966

– O Congresso americano aprova uma lei que oferece asilo e visto de trabalho aos cubanos que emigram ilegalmente.

1977

– 1 de setembro: Washington e Havana abrem Seções de Interesses para cumprir funções consulares.

1980

– Abril-outubro: Êxodo de Mariel: 125.000 cubanos partem em embarcações rumo a Miami depois que Fidel Castro permitiu saídas, um fato que muda as relações com o governo de Jimmy Carter.

1992

– Outubro: EUA aprovam a Lei Torricelli para endurecer o embargo.

1993

– Julho: Fidel Castro autoriza a circulação do dólar na ilha.

1994

– Agosto: Crise dos balseiros: depois que Cuba deixou de impedir saídas ilegais, 35.000 cubanos se lançam no mar para tentar chegar à Flórida. A crise termina um mês depois após negociações entre os dois países.

1996

– 24 de fevereiro: Migs cubanos derrubam dois aviões de uma organização anticastrista com sede em Miami.

– 12 de março: Bill Clinton sanciona Lei Helms-Burton que reforça o embargo e cancela medidas de flexibilização em represália pela queda de aeronaves.

1998

– 20 de março: Bill Clinton suaviza o embargo: autoriza as remessas e facilita o envio de medicamentos à ilha.

– 19 de junho: EUA autorizam os voos da companhia Cubana de Aviación sobre seu território rumo ao Canadá, vetados desde 1962.

– 12 de setembro: EUA capturam cinco agentes cubanos que espionavam grupos anticastristas. São condenados a longas penas de prisão.

1999

– Novembro-Junho 2000: Cuba e Miami se enfrentam pelo menino balseiro Elián González. A justiça americana o entrega finalmente à ilha após um longo processo judicial.

2002

– 6 de maio: Washington acusa Cuba de fabricar e transferir a outros países tecnologia para armas químicas.

2004

– Julho: George W. Bush limita viagens de cubano- americanos à ilha – uma a cada três anos – e o envio de remessas. Dá mais ajuda à dissidência.

2008

– Os países da América Latina reunidos em uma cúpula exigem o levantamento do embargo contra Cuba.

2009

– Março: O Congresso dos Estados Unidos suprime as medidas de Bush sobre viagens e remessas e elimina o pagamento "adiantado" de alimentos e remédios que Havana deveria realizar.

– 13 de Abril: O presidente Barack Obama suprime as barreiras às viagens de cubano-americanos e ao envio de remessas. Reconhece o fracasso da política americana e, assim como o presidente Raúl Castro, oferece um diálogo aberto.

– 14 de julho: Estados Unidos e Cuba retomam em Nova York o diálogo migratório suspenso desde 2003.

– 17 de setembro: Os dois países retomam em Havana discussões sobre a retomada do serviço direto de correio à ilha. A chefe da missão americana em Havana se reúne com dissidentes e irrita o governo comunista.

– 3 de dezembro: É detido em Havana o terceirizado americano Alan Gross, que havia viajado à ilha para distribuir material de comunicação a grupos civis. É condenado a 15 anos de prisão.

2010

– 19 de fevereiro: Segunda rodada de diálogo migratório em Havana.

– 18 de junho: Terceira rodada de diálogo migratório em Washington.

2011

– 12 de janeiro: Quarta rodada do diálogo em Havana, onde os Estados Unidos insistem na libertação imediata de Gross.

Páginas: 1 2

Tags:
papa eua