Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Diretor da ONU “horrorizado” com ataques contra civis na Síria

Síros feridos recebem atendimento em hospital de Duma após ataques no domingo

Compartilhar

O diretor de assuntos humanitários da ONU condenou de maneira veemente nesta segunda-feira em Damasco os ataques contra civis na Síria, um dia depois de um dos maiores massacres cometidos pelo regime a poucos quilômetros da capital, que deixou pelo menos 96 mortos.

"Estou horrorizado com a total falta de respeito demonstrada para com as as vidas dos civis neste conflito", disse Stephen O’Brien em uma entrevista coletiva, em sua primeira visita à Síria.

Ele afirmou estar "particularmente comovido com as informações sobre ataques aéreos que deixaram dezenas de mortos e centenas de feridos entre os civis no coração de Duma", onde aconteceram os ataques do regime no domingo.

De acordo com o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH), a aviação do regime sírio executou 10 ataques no domingo nesta localidade rebelde, seis deles contra um mercado.

Os ataques deixaram 96 mortos, em sua maioria civis, e pelo menos 240 feridos, um dos maiores massacres desde o início do conflito sírio em março de 2011.

O’Brien, que estava na capital síria no momento dos ataques, a apenas 13 km do local, pediu a todas as partes beligerantes que "protejam os civis e respeitam o direito humanitário internacional".