Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sábado 20 Abril |
Aleteia logo
Religião
separateurCreated with Sketch.

Somos bons samaritanos? Novo esforço da Igreja perante a crise humanitária no Iraque e na Síria

o-bom-samaritano.jpg

Aleteia Brasil - publicado em 14/09/15

Encontro do Pontifício Conselho Cor Unum: já confirmadas 30 entidades católicas de caridade, além dos bispos do Oriente Médio

O Pontifício Conselho Cor Unum é o “conselho da caridade do papa”, criado por Paulo VI em julho de 1971 com o objetivo de concretizar a solicitude da Igreja para com os necessitados, favorecendo a fraternidade e manifestando a caridade de Cristo.

Nesta quinta-feira, 17, o Cor Unum realiza um encontro sobre a situação humanitária no Iraque e na Síria com a participação das entidades católicas de caridade que trabalham no Oriente Médio, além dos bispos da região. 30 organizações já confirmaram presença.

Entre os expoentes, estarão:

– Mons. Giampietro Dal Toso, secretário do Conselho Pontifício Cor Unum;

– Cardeal Leonardo Sandri, prefeito da Congregação para as Igrejas Orientais;

– Stephen O’Brien, subsecretário da ONU para Assuntos Humanitários;

– Mons. Khaled Akasheh, do Pontifício Conselho para o Diálogo Inter-Religioso, departamento de diálogo com o islã;

– Dom Mario Zenari, núncio apostólico na Síria;

– Mons. Antoine Audo, presidente da Caritas Síria;

– Mons. Shelmon Warduni, presidente da Caritas Iraque.

O Cor Unum e a Caritas apresentarão os relatórios das entidades eclesiais sobre as ajudas humanitárias prestadas à Síria e ao Iraque no período 2014-2015.

Além de avaliar o trabalho já feito em meio à crise humanitária na região, o encontro pretende compartilhar informações sobre as respostas da Igreja ao complexo problema regional e traçar as prioridades para os próximos anos em sinergia entre as diversas entidades eclesiais que atuam no Oriente Médio.

PANORAMA TRÁGICO

Os conflitos e o terror do Estado Islâmico já causaram mais de 250.000 mortes só na Síria desde 2011. O país tem 12 milhões de pessoas necessitadas de ajuda humanitária, das quais 7,6 milhões são refugiados internos. Além deles, há 4 milhões de refugiados sírios nos países vizinhos: cerca de 600 mil na Jordânia, 1,1 milhão no Líbano e quase 2 milhões na Turquia.

O Iraque, por sua vez, tem 8 milhões de necessitados de ajuda humanitária, dos quais 3 milhões são refugiados internos.

Não é preciso recordar, junto com isto, as proporções históricas do fluxo de migrantes que rumam à Europa em condições extremamente perigosas e desumanas.

Tags:
MigrantesRefugiadosValores
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia