Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quarta-feira 23 Junho |
Santa Ediltrudes de Ely
home iconEstilo de vida
line break icon

O segredo da felicidade

Psiquiatria Nutricional - publicado em 02/12/15

A medicina descobre uma forma interessante (e gratuita) de ser feliz

Uma teoria, chamada “sobrevivência do mais generoso”, diz que foi graças à generosidade que a espécie humana prosperou. O professor Sam Bowles, do Instituto Santa Fé, nos Estados Unidos, analisou sociedades antigas e verificou que a generosidade era componente fundamental da sobrevivência das comunidades.

“Grupos com muitos altruístas tendem a sobreviver”, diz ele. Isto quer dizer que temos em nós a capacidade de ajudar os outros, principalmente os que nos são próximos, a fim de garantir nossa sobrevivência.

A generosidade nos faz bem de outras maneiras. O professor Stephen Post, autor de Why Good Things Happen to Good People (Por que coisas boas acontecem a pessoas boas), examinou os indícios de que ser grato e generoso faz bem à saúde. Um estudo com 2.016 pessoas de diferentes classes, verificou que os que ajudavam os outros regularmente tinham mais saúde mental e menos DEPRESSÃO.

Outros estudos constataram que as pessoas solidárias têm menos probabilidade de sofrer de doenças crônicas, e seu sistema imunológico tende a ser melhor. “Existe uma relação direta entre bem-estar, felicidade e saúde nas pessoas gratas e generosas”, diz Post.

A emoção mais saudável do ser humano, segundo especialistas em psicologia, não é o amor, mas sim a generosidade e a gratidão. Ser grato, na verdade, aumenta a nossa imunidade: nos torna mais resistentes ao estresse e menos suscetíveis a doenças.

Pessoas gratas são pessoas felizes. Por outro lado, pessoas ingratas são miseráveis e egoístas, porque nada as deixa felizes. Nunca estão satisfeitas; sempre colocam defeito, nada é bom o bastante.

A generosidade ajuda a regular as emoções, o que causa impacto positivo sobre a saúde e sobre a nossa mente. Se nosso instinto biológico automático do tipo “lutar ou correr” ficar ativo demais por causa do estresse, o sistema cardiovascular é afetado e a imunidade do corpo enfraquece.

“É difícil ficar zangado, ressentido ou amedrontado quando se demonstra amor altruísta pelos outros”, afirma Post. “A generosidade pode criar uma onda significativa de mudanças à nossa volta.”

Um estudo de 2005 da Universidade Hebraica, em Israel, descobriu um vínculo entre a generosidade e o gene que libera a dopamina, neurotransmissor que proporciona bem-estar. A pesquisa, publicada em 1991 no livro The Healing Power of Doing Good (O poder curativo de fazer o bem), verificou que as pessoas que tinham atitudes gentis e generosas descreviam ter uma sensação física boa.

Muitos disseram sentir-se mais cheios de energia, mais calorosos, mais calmos, com mais amor-próprio e auto-estima , fenômeno que ele chama de “a onda de ajudar”.

A generosidade tem outra semelhança com a felicidade: não pode ser comprada. A generosidade, portanto, tem de começar de dentro, é apenas uma questão de opção: é uma atitude que adotamos e que pode fazer diferença na vida dos outros, mas principalmente na nossa vida.

A boa notícia é que é fácil aprender a ser generoso. Basta praticar mais atos de generosidade do que estamos acostumados, e de forma regular; Quer saber como?

Por exemplo: quando temos alguma coisa de que não precisamos mais, colocamos à venda. Que tal doar esse utensílio para alguém que tenha menos do que nós? Ou dar de presente a alguém que fará um bom uso, independentemente de ter menos ou mais do que nós? Tente….!!!

Normalmente damos aos outros roupas velhas e que não nos servem mais. Você já pensou em tirar do seu guarda-roupas uma peça bem bonita e “DOAR” àquela pessoa que não pode comprar uma igual? Veja a expressão de felicidade no rosto dessa pessoa, e sinta o quão é gostoso poder deixar alguém feliz. Experimente!!!!

Há muitas pessoas que sofrem de depressão por egoísmo, desconhecem a terapia da solidariedade.

Milhares de pessoas praticam a generosidade, sem receber nada de material em troca. Ficam satisfeitas com um “obrigado” ou um simples sorriso.

Por que o fazem? Porque se sentem bem em ajudar o próximo, dando sem receber nada em troca, ajudando quem precisa e tendo compaixão por quem necessita mais do que elas. Isso é excelente, vence o egoísmo e satisfaz a alma. Já viu essas pessoas sofrerem de depressão? Naturalmente, que não têm tempo para pensar nisso.

O segredo da felicidade é encontrar a nossa alegria na alegria dos outros.

Não guarde esse segredo!!! Passe adiante!

(Psiquiatria Nutricional)

Tags:
FelicidadegenerosidadegratidaoSaúde
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
BABY GIRL
Mathilde de Robien
12 nomes de meninas cujo significado é ligado a Deus
2
Lucía Chamat
A curiosa foto de “Jesus” que está comovendo a Colômb...
3
SPANISH FLU
Philip Kosloski
Os poderosos conselhos do Padre Pio durante uma pandemia na Itáli...
4
Gelsomino Del Guercio
Estuprada, queimada viva e salva pela chuva: mas o milagre maior ...
5
Aleteia Brasil
O dia em que os cães farejadores detectaram Alguém vivo no Sacrár...
6
Frank Stephens Global Down Syndrome Foundation
Reportagem local
“Eu tenho Síndrome de Down e não deveria precisar justifica...
7
Imagem de Nossa Senhora intacta após explosão
Francisco Vêneto
Viraliza imagem de Nossa Senhora intacta após explosão de carro-b...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia