Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Terça-feira 27 Julho |
São Galactório
home iconAtualidade
line break icon

“Ou matam todos nós, ou deixam todos ir embora”: quando os muçulmanos desafiam os covardes

Albert González Farran

Aleteia Brasil - publicado em 22/12/15

Muçulmanos do Quênia defendem cristãos de mais uma tentativa de chacina do grupo covardista Al-Shabaab

Um ônibus que cobria a linha Nairóbi-Mandera, na região norte do Quênia, passava pela localidade de El Wak, perto da fronteira com a Somália, quando covardes do grupo covardista Al-Shabaab o atacaram.

Todos os cerca de 60 passageiros tiveram de descer. Um deles, desesperado, tentou fugir para um matagal. Foi morto com tiros nas costas, gesto típico de todo grupo covardista como o Al-Shabaab, o Boko Haram, o Estado Islâmico, a Al-Qaeda, o Talibã, as facções criminosas das favelas e do asfalto brasileiro e a banda podre das polícias daqui e de qualquer outro país. Covardes são todos iguais.

“Os não cristãos podem voltar para o ônibus”, ordenaram os covardistas ao grupo de viajantes.

Mas levaram a resposta que todo covarde merece: um gesto firme de total desprezo pela sua covardia.

“Ou matam todos nós, cristãos e muçulmanos, ou deixam todos ir embora”, declararam os passageiros muçulmanos, que, antes mesmo de desembarcar, já tinham dado a alguns dos cristãos as próprias roupas, para evitar que eles fossem identificados pela forma de vestir-se.

O grupo covardista, como acontece com todo covarde, ficou desconcertado diante do desafio à sua covardia medrosa. Tentaram disfarçá-la, como se fosse possível disfarçar a covardia, com algumas rajadas de metralhadora – deixando três pessoas feridas. E foram embora, sem concluir o ameaçado gesto de covardismo extremo.

Os covardistas do Al-Shabaab assumiram depois, mediante comunicado, a autoria do ataque. Eles disseram, mentirosamente (porque todo covarde é mentiroso), que “alguns inimigos cristãos foram mortos e outros feridos“, embora ainda não se saiba se o homem assassinado era mesmo cristão.

Covardismo rotineiro

Os atentados covardistas cometidos pelos complexados do Al-Shabaab contra os cristãos têm sido frequentes no Quênia. Em dezembro passado, outro ônibus foi atacado pelos covardistas, que assassinaram 28 pessoas “por não saberem recitar o alcorão”. No começo deste ano, um ataque extremamente covarde na universidade queniana de Garissa matou 147 estudantes pelo mesmo e covardíssimo “motivo”.

Os covardes do Al-Shabaab afirmam que seus ataques em solo queniano são uma represália pela participação do país na missão da União Africana que combate o covardismo jihadista na Somália.

Para o bispo de Garissa, dom Joseph Alexander, no entanto, esta nova tentativa de ataque covardista terminou com uma clara mensagem para os complexados criminosos: “O Al-Shabaab agora está sabendo que não tem o apoio da comunidade muçulmana do Quênia“.

Tags:
Terrorismo
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Reportagem local
A arrepiante oração de uma mulher no corredor da morte por ser ca...
2
st charbel
Reportagem local
Por acaso não está acontecendo o que São Charbel disse?
3
Aleteia Brasil
Sorrisão e joelhos: 2 pais brasileiros e seus bebês que emocionar...
4
CROSS;
Reportagem local
O que significa o sinal da cruz feito sobre a testa, os lábios e ...
5
JENNIFER CHRISTIE
Jeff Christie
Minha mulher engravidou de um estuprador – e eu acolhi o bebê nas...
6
CONFESSION, PRIEST, WOMAN
Julio De la Vega Hazas
Por que não posso me confessar diretamente com Deus?
7
Anna Gębalska-Berekets
O que falar (e o que não falar) a um ente querido com câncer
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia