Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 16 Maio |
Santo Elesbão (ou São Caleb de Axum)
home iconAtualidade
line break icon

O Google vai entrar na guerra contra o Estado Islâmico?

Aleteia Brasil - publicado em 21/01/16 - atualizado em 21/08/20

"Eles estão operando sem serem expulsos da mesma internet que todos nós usamos", observa um dos executivos da gigante de buscas

Um dos pilares da expansão do autoproclamado Estado Islâmico é a internet. A rede serve tanto para que os terroristas espalhem mensagens e vídeos de terror quanto para recrutar membros através de redes sociais, fóruns e guias passo-a-passo para quem deseja se unir ao grupo.

Acabar com a presença virtual do Estado Islâmico, portanto, é uma batalha fundamental para derrotá-lo – e este desafio está na mira de Jared Cohen, chefe do departamento de novas ideias do Google.

“Seria um sucesso limitar o EI à dark web. Eles estão operando hoje em dia sem serem expulsos da mesma internet que todos nós usamos”, afirma ele. A chamada “dark web” é a parte da internet que não é indexada e que não é acessível pelos navegadores normais: trata-se de um espaço cibernético do qual é praticamente impossível eliminá-los, mas que, em compensação, só é usada por uma pequena fração dos internautas.

Expulsar o EI da internet aberta, no entanto, não é uma tarefa simples, já que grande parte das suas mensagens trata de religião. Bloquear indistintamente esse tipo de mensagem implicaria ferir a liberdade de expressão na internet e afetar milhões de pessoas que não têm vínculo algum com o grupo terrorista.

Ainda assim, Jared Cohen afirma que a presença do bando na internet aberta deve ser combatida. “Eles exageram seu tamanho e sua presença”, observa ele, ressaltando que os terroristas mantêm mais contas do que membros efetivos, o que gera a ilusão de serem mais numerosos do que são de fato.

Tags:
Estado IslâmicoInternetTerrorismo
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Lucía Chamat
A curiosa foto de “Jesus” que está comovendo a Colômb...
2
Soutane de Jean Paul II/attentat
Marzena Wilkanowicz-Devoud
Onde está a batina manchada de sangue de João Paulo II?
3
Nossa Senhora de Fátima pede rezar o terço
Padre Reginaldo Manzotti
As 3 principais atitudes que Nossa Senhora de Fátima nos pediu
4
Irmã Lúcia, de Fátima, e o Papa São João Paulo II
Francisco Vêneto
O terço “funciona”, garante a Irmã Lúcia, de Fátima: ...
5
Philip Kosloski
5 revelações surpreendentes do “terceiro segredo” de ...
6
POPE AUDIENCE JUNE 26; 2019
Philip Kosloski
Quanto é o salário de um papa?
7
st charbel
Reportagem local
Por acaso não está acontecendo o que São Charbel disse?
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia