Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sexta-feira 23 Fevereiro |
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

ONU: coalizão árabe causa o dobro de mortes do que outras forças juntas no Iêmen

<p>Membros do Conselho de Segurança da ONU participam da votação sobre a resolução</p>

Agências de Notícias - publicado em 18/03/16

As Nações Unidas anunciaram nesta sexta-feira que a coalizão árabe liderada pela Arábia Saudita no Iêmen provocou a morte do dobro de pessoas do que as forças beligerantes juntas.

“Vendo as cifras, parece que a coalizão é responsável pelo dobro de vítimas em relação ao resto das forças presentes no país”, declarou o Alto Comissário da ONU para Direitos Humanos, Zeid Ra’ad Al Hussein, em um comunicado.

“Bombardearam mercados, hospitais, clínicas, escolas, fábricas, celebrações de casamento e centenas de residências em povoados, cidades e, inclusive, a capital Sanaa. A pesar das inúmeras gestões internacionais, esses terríveis incidentes continuam ocorrendo com regularidade inaceitável”, denunciou.

O Alto Comissário também criticou a chacina de terça-feira cometida pelos ataques aéreos da aliança árabe no mercado de Janis, norte do país, onde 106 civis, entre eles 24 crianças, morreram.

Segundo a ONU, o conflito no Iêmen deixou 6.300 mortos, entre eles quase a metade de civis, desde a intervenção em março de 2015 da coalizão árabe-sunita dirigida pela Arábia Saudita contra os rebeldes xiitas huthis, que controlam a capital e várias zonas do norte e oeste.

Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia