Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quarta-feira 14 Abril |
São Telmo
home iconEstilo de vida
line break icon

Largue o celular e se divirta com seu filho

Blog Ágora - publicado em 27/04/16

Os pais andam muito ocupados checando seus celulares e deixando seus filhos sem a atenção necessária. E são as próprias crianças que reclamam.

Renata Sguissardi Rosa mostrou, aqui no Sempre Família, os dados de uma pesquisa envolvendo crianças, a qual revela que os pais estão muito ocupados checando seus celulares, deixando seus filhos sem a atenção necessária. São as próprias crianças a reclamar.

Entre os dados revelados alguns números impressionam:

“No Brasil, 71% dos pais acredita checar demais seu smartphone, e 87% dos filhos concordam com o fato de que eles exageram na quantidade de vezes que olham os aparelhos.  Outros dados também são alarmantes: 65% dos pais se distraem enquanto conversam com os filhos; 48% usam o celular durante o jantar e 29% fazem isso enquanto brincam com os filhos.”

Diante deste fato, a pergunta é: como mudar, ou ao menos, amenizar este problema?

Não esqueço um conselho dado por uma enfermeira quando meu primeiro filho ainda tinha 1 mês de idade: “não tenho muito tempo livre com meus filhos, mas o pouco tempo que tenho aproveito ao máximo. Quando estou com eles, os levo para passear, tomar sorvete, jogar bola… quando estou com eles, o tempo é precioso…”.

A enfermeira dizia que seus filhos eram crianças felizes e satisfeitas com a presença dela (a mãe). O curto tempo que dispunham juntos era momento especial, em que celulares e afins não tinham vez. Isto demonstra que não importa muito o tanto de tempo que os pais possuem para ficarem junto aos filhos, mas a qualidade deste tempo é o que realmente importa

Uma das alternativas capaz de satisfazer a necessidade de interação entre pais e filhos pode estar no esporte. A atividade física, além dos benefícios para a saúde, pode dar um upgrade na relação pais\filhos.

O bem-estar e convivência da família na prática de esportes trazem benefícios a curto e a longo prazo. Mas aqui destaco a eficácia para cultivar uma relação de unidade entre a família.

Que tal começar hoje mesmo convidando seu filho para bater uma bolinha?

(via Ágora)

Tags:
FamíliaFilhosPaternidadetecnologia
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
PRINCE PHILIP
Cerith Gardiner
11 fatos interessantes sobre o falecido príncipe Philip
2
MIGRANT
Jesús V. Picón
O menino perdido no deserto nos convida a refletir
3
DIVINE MERCY
Reportagem local
Como obter indulgência plenária no Domingo da Divina Misericórdia...
4
LOVE AND MERCY FILM
Aleteia Brasil
O filme sobre Santa Faustina e a Divina Misericórdia já está disp...
5
Pe. Gabriel Vila Verde
Reportagem local
Ditadores proibiram missas ao longo da história, recorda pe. Gabr...
6
Jim Caviezel
J-P Mauro
Jim Caviezel fez o que pode ser considerado um dos maiores discur...
7
Aleteia Brasil
Havia um santo a bordo do Titanic?
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia