Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sexta-feira 12 Abril |
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Mark Twain, devoto de Joana d’Arc

marktwain_cc_img_0.jpg

Daniel R. Esparza - publicado em 17/05/16

Um livro praticamente esquecido do autor americano é uma biografia da santa francesa

É pouco conhecido que Mark Twain escreveu uma biografia de Joana d’Arc. Menos conhecido ainda é o fato de que o autor inclusive visitou o Arquivo Nacional da França e leu as transcrições do julgamento que levou a santa ao martírio, o mesmo das investigações que, vinte e cinco anos depois, limparam seu nome.

A capa do livro de Twain, edição 1894

Como aponta o artigo de Stephen K. Ryan para Patheos, depois de doze anos de estudos e escrita, Twain finalmente terminou o livro. O autor teria dedicado dez anos para investigar e dois para escrever “Joana d’Arc”, do qual disse que era o seu melhor trabalho: “Eu gosto de ‘Joana d’Arc’ mais do que todos os meus outros livros; e é o melhor deles; sei perfeitamente. E também, me deu sete vezes mais prazer que qualquer outro; dez anos de preparação e dois para escrever. Os outros não precisaram de preparação, e não tiveram nenhuma”.

A – realmente ilimitada – admiração de Twain pela santa foi porque ele a viu como uma pessoa “pura, na mente e no coração, na palavra, obra e espírito (…) Levando em conta (…) todas as circunstâncias da sua vida – sua origem, juventude, analfabetismo, as condições adversas em meio às quais desenvolveu seus dons e suas conquistas antes que os tribunais a processassem (…), é fácil considerá-la, de longe, a pessoa mais extraordinária que a raça humana já produziu”.

Tags:
MártiresSantos
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia